Prefeitura emite nota e esclarece sobre transferência de arquivo passivo

A Prefeitura de Mossoró, por meio da Secretaria de Comunicação, emitiu nota sobre o episódio de transferência de documentos que levaram duas servidores a explicar na delegacia de polícia e que foi noticiado por setores da imprensa nesta quarta-feira (18).

Carro com documentos na delegacia de plantão – foto: César Alves/ Mossoró Hoje

Segundo a nota, o que houve foi a transferência do arquivo passivo, que faz parte da rotina administrativa do município.

Carro com documentos na delegacia de plantão – foto: César Alves/ Mossoró Hoje

A nota alerta que o próprio município vai apurar as circunstâncias que levaram a “falta comunicação de crime”, o que teria sido feita por servidores.

Leia a nota na íntegra:

A Prefeitura de Mossoró informa que o procedimento de transferência do arquivo passivo faz parte da rotina administrativa. Os documentos estavam sendo transferidos para o Arquivo Central, pois houve liberação de espaço. Não há nenhuma irregularidade nesse tipo de iniciativa. A situação está sendo devidamente esclarecida na Delegacia de Plantão, pois uma servidora do gabinete foi alvo de uma denúncia de que estaria de posse de arquivos. É importante frisar que ela estava apenas transportando os documentos e que a iniciativa, repetimos, faz parte da rotina administrativa.

O Município frisa ainda que vai apurar as circunstâncias que levaram a falsa comunicação de crime, que teria sido feita por servidores. Caso seja comprovada, eles podem responder às sanções administrativas e penais previstas.”

defato.com