Município de Currais Novos reforçou seus estoques de Oxigênio

Como forma de prevenção e para garantir o estoque de oxigênio, o município de Munícipio de Currais Novos, através da Secretaria Municipal de Saúde, investiu na aquisição de mais 10 cilindros de oxigênio com capacidade para 7l e mais um com capacidade para 20l, para serem utilizados pela SEMSA em suas UBSs, Pronto Atendimento e Pronto Socorro Municipal.

Reprodução

O oxigênio é utilizado tanto nas internações quanto para o transporte de pacientes, por isso a importância do investimento, especialmente para pacientes com COVID-19, que geralmente quando se internam, necessitam o uso contínuo de O2, sendo fundamental para a recuperação de um paciente internado com Coronavírus ou qualquer outro problema de saúde.

Atualmente, o município conta com 27 cilindros de oxigênio. Os mesmos encontram-se distribuidos entre as Unidades Básicas de Saúde, Policlínica Mos Ausônio de Araújo Filho e Pronto Socorro Municipal.

Informações do blog Carlos Eduardo

Açude Dourado: Após 9 anos, o coração dos curraisnovenses volta a transbordar de alegria [Vídeo]

Após anos de seca, o açude Público Dourado renasceu totalmente nesta madrugada de terça-feira (03) de março de 2020. O manancial que estava no seu volume morto há alguns dias, voltou a receber uma imensa quantidade de água no último final de semana, através de grandes rios.

O Dourado deu início a sua sangria por volta de 00:47 da madrugada.

CURIOSIDADE

Segundo um morador que estava acompanhando de perto a tomada de água do Dourado, afirmou que o açude começou a receber água no último sábado (29), às 20h, e que depois de exatas 52h47, o manancial chegou a sua cota máxima, atingindo a sangria.

As águas do Dourado deságuam na barragem Marechal Dutra (Gargalheiras) que fica localizada na cidade de Acari.

HISTÓRIA

Construído no início da década de 80, e com uma capacidade de 10.321.600 m³ de água, o Açude Público Dourado – um dos responsáveis pelo abastecimento de Currais Novos, sangrou pela última vez em maio de 2011. Em 2015, a cidade viu com tristeza o manancial chegar ao seu volume morto e secar completamente.

Imagens: Josenildo Lopes – Operador CAERN

@jeansouzapulsacao

Açude Dourado, em Currais Novos, agora tem garantia hídrica até o final de 2019.

 

O açude Dourado, em Currais Novos, Seridó Potiguar, atingiu 30% de sua capacidade após as chuvas que vêm ocorrendo no Rio Grande do Norte. O reservatório estava seco desde novembro de 2017, de acordo com o Instituto de Gestão das Águas do Estado (Igarn), e agora tem garantia hídrica até o final de 2019.

Açude Dourado, em Currais Novos, agora tem garantia hídrica até o final de 2019 — Foto: Anderson de Almeida


A Companhia de Águas e Esgotos do RN (Caern) informou que, diante da retomada da capacidade hídrica do açude, será possível retomar o sistema de captação de água do manancial. A Caern disse ainda que vai voltar a operar no reservatório em um prazo de 15 dias. O Açude Dourado tem capacidade de 10 milhões de m³.

Barragem: Ainda de acordo com a Companhia, o maior reservatório do Rio Grande do Norte, a barragem Armando Ribeiro Gonçalves, também registrou um “significativo aumento” de volume durante o feriado. A barragem fica na mesma região do açude Dourado.

Fonte; G1RN