Comitê Científico do Consórcio Nordeste recomenda a proibição de festas de réveillon e do Carnaval nos estados da região

O Comitê Científico do Consórcio Nordeste, que reúne os nove estados da região, divulgou um boletim, nesta sexta-feira (3), recomendando a proibição de festas de réveillon e do Carnaval nos estados da região por conta da nova variante da Covid, a ômicron. O Brasil já tem pelo menos três casos identificados dessa nova mutação do coronavírus.

O documento ainda demonstra preocupação com surgimento de outras novas variantes. A partir dos índices de vacinação completa da população do Brasil, o boletim aponta recomendações aos governadores e gestores municipais da região diante dos cenário nacional e global. De acordo com dados do consórcio de veículos de imprensa divulgados na quinta-feira (2), o país tem mais de 63% da população totalmente imunizada.

Entre as indicações, estão o cancelamento das festividades de révellion, Natal e Carnaval que podem gerar aglomerações. Para a entidade, essas festas intensificariam a transmissão do coronavírus e poderiam resultar em nova onda da pandemia.

Além disso, o Comitê Científico do Consórcio Nordeste pede que os governantes da região intensifiquem a vacinação para alcançar, o mais rápido possível, uma maior parcela da população com vacinação completa.

O comitê ainda recomenda uma busca ativa das pessoas que ainda não receberam a segunda dose. Para isso, faz sugestões como o” uso dos agentes comunitários e ampliação dos locais de vacinação nas cidades em locais de grande circulação de pessoas”.

O texto ainda indica a aplicação da vacina nas escolas para atingir a maior cobertura de vacinação com a primeira e a segunda dose nos adolescentes. Sugere, ainda, o uso de viaturas como o carro da vacina, em analogia com o “carro do ovo” nas cidades onde se utiliza serviço de som.

Outras recomendação são a manutenção do uso obrigatório de máscaras faciais e outras medidas de proteção individual e coletiva, como a exigência do passaporte de vacina para entrada em cinemas, teatros, estádios de futebol, e estabelecimentos do gênero, além do capital político de governadores e outros atores políticos para estimular a solidariedade internacional a desenvolver mecanismos que ampliem a vacinação globalmente, em especial nos países africanos;

E por fim, a sexta recomendação é de identificar todas as possíveis barreiras que dificultam a expansão da cobertura vacinal na população com a implementação de mecanismos para superá-las.

Além das recomendações, o documento divulgado nesta sexta detalha a situação da pandemia nos Estados do Nordeste. O detalhamento por estados leva em consideração a situação atual e projeções numéricas avaliadas em 26 de novembro.

  • RIO GRANDE DO NORTE
    O Rio Grande no Norte apresenta indicadores de riscos pandêmico e epidêmico altos. E assim como a maioria dos estados da região, ainda não apresenta segurança sanitária para quaisquer atividades presenciais como festas de final de ano e Carnaval possam ocorrer sem o perigo de uma nova onda ou novas variantes do Sars-cov-2

g1

Deputados do PL vão discutir se ficam na base do governo

O Partido Liberal (PL) reúne, hoje, sua bancada na Assembleia Legislativa, para avaliar o novo quadro político-partidário no Estado, decorrente das filiações à legenda do presidente Jair Bolsonaro e do ministro Rogério Marinho (Desenvolvimento Regional), que é pré-candidato a senador da República pelo Rio Grande do Norte nas eleições de 2022.

Além do impacto da minirreforma eleitoral que impede  a formação de coligações proporcionais às campanhas de reeleição dos deputados estaduais – George Soares, Kleber Rodrigues e Ubaldo Fernandes – e do próprio presidente da Executiva Estadual do PL, deputado  federal João Maia, vai se discutir o rearranjo político em função do apoio à administração da  governadora Fátima Bezerra (PT), que também buscará a reeleição no ano  que vem.

Até o começo da noite de ontem os três deputados do PL aguardavam a confirmação do horário e local da reunião, que deve ocorrer pela manhã, em Natal, na residência do presidente estadual do partido, o deputado federal João Maia.

Ex-líder do governo na Assembleia, o deputado George Soares diz que, pessoalmente, não pode antecipar um posicionamento, porque “as coisas estão acontecendo muito rapidamente”, bem como não conversou ainda com seus colegas de bancadas e nem com os prefeitos do partido: “Não quero me antecipar para não cometer erros e não trazer informações que não sejam concretas, porque o partido ainda não se reuniu para tratar  absolutamente nada”.

George Soares avalia, por exemplo, que as mudanças ocorridas na legislação eleitoral precisavam de um período para adequação, porque fazer uma reforma eleitoral, “ela precisa de prazos, pois se uma regra (fim das coligações) não repercutiu bem na eleição de vereador (2020), todo mundo teve dificuldade para montar partido e fazer chapa de vereador no interior”.

Como já se tinha essa informação, segundo Soares, “podendo ter mudado ou melhorado, criaram limites para a regra que já estava ruim na  época da campanha de vereador — o candidato a deputado só concorre se atingir 20% dos votos do coeficiente eleitoral e o partido se não atingir 80%, também não participa da distribuição das vagas”.

Para George Soares, alterações na legislação eleitoral são válidas, “mas precisam de um tempo de maturação, um partido não se constrói em semanas ou meses, constrói em anos”.

George Soares reafirmou, que não podia antecipar os fatos em função de decisões partidárias que foram tomadas em nível nacional, não é uma coisa em nível estadual – “como a gente costuma dizer, foi de cima pra baixo, mas respeitamos, qual é o partido que não quer ter a figura de um presidente da República, isso não é só o PL, qualquer partido faria”.

Mas, George Soares afirma que tem de avaliar agora os próximos passos do partido. No caso do Rio Grande do Norte, onde o partido passou três anos apoiando o governo do Estado, “o sentimento que tenho ouvido da minha base dos aliados e amigos, essa briga não é do deputado George”.

No entanto, Soares disse que “não sabe quais foram as diretrizes para os estados”, mas não vê problema nenhum em apoiar o  governo ou votar matérias do interesse do Executivo na Assembleia: “Sempre tive uma posição na Casa de apoiar o Rio Grande do Norte, se pegar minhas votações no governo Rosalba Ciarlini (2011/2014) e durante o governo Robinson Faria (2015/2018), em que eu era oposição, não estão distantes do comportamento que estou tendo com as votações da governadora Fátima Bezerra”.

O deputado Ubaldo  Fernandes disse também que do seu ponto de vista pessoal, o posicionamento do PL em relação à base de apoio ao governo Fátima Bezerra “não mudará nada”, pelo menos até o fim  deste ano.

Porém, Ubaldo Fernandes diz que a reunião de hoje com João Maia é importante para “abrir o diálogo para ver como vamos nos comportar em relação ao nosso futuro político” em nível estadual, “até porque a política está muito abstrata em  relação a candidaturas ao governo do Estado”.

Fernandes alerta que “não temos todos os palanques formados para decidir neste momento, vamos esperar os próximos passos”.

Já o deputado Kleber Rodrigues diz que vai aguardar o pronunciamento do presidente estadual do PL, a fim de tomar uma posição política em relação a alinhamento político com o governo estadual num ano eleitoral: “É isso que quero escutar de João Maia, como é que vai ficar a questão regional”.

Rodrigues admite que, no caso dele, não vai mudar muita coisa em relação ao governo Fátima Bezerra: “O que for bom para o Estado tem meu voto, pode ser de qualquer lado, sempre teve isso e vai continuar assim”.

Mineiro detona CPI: “não descobriu nenhuma irregularidade e tem servido de palanque para um membro da oposição”

Em entrevista à 98 FM o secretário estadual de gestão de projetos Fernando Mineiro (PT) disse que a CPI da covid na Assembleia Legislativa não conseguiu encontrar nada que desabone a conduta do Governo do Rio Grande do Norte e do secretário estadual de saúde Cipriano Maia.

Mineiro detona CPI (Foto: José Aldenir/Agora RN)

Mineiro lembrou que o presidente da CPI Kelps Lima (SD) tem se limitado a explorar assuntos pautados em documentos sigilosos obtidos por investigações da Polícia Federal e Ministério Público no que toca o caso dos respiradores pagos pelo Consórcio Nordeste que não foram entregues.

O petista criticou a postura de Kelps que vaza informações sigilosas de forma seletiva. “Como o cara vai se defender se as informações são sigilosas. A política tem que ter limites. Não é vale tudo”, disse.

Em seguida em ele comparou a CPI do RN com a nacional: “os fatos de Brasília afloraram dos depoimentos. Aqui não teve nenhum fato que mostre que o governo cometeu erro. Pelo contrário todos os depoimentos locais mostram que o Governo agiu correto e com lisura”, argumentou. “Não tem nenhum fato que esteja aparecendo que foi apuração da CPI local”, complementou (saiba mais AQUI).

Ele reforçou que a comissão tem apenas servido de palanque para Kelps Lima. “A CPI não rendeu nada além de palanque de um membro da oposição e ele é muito bom nisso”, frisou.

Covid-19: Estado atingiu 90% da população acima de 18 anos vacinada com D1

O Rio Grande do Norte atingiu a marca de 90% da população acima de 18 anos contra a Covid-19 com a primeira dose, de acordo com dados do portal RN+ Vacina. O percentual representa pouco mais de 2,3 milhões de pessoas em todo o estado.

Além disso, o público geral, que inclui os adolescentes acima de 12 anos, também se aproxima do percentual de 90%, com 2.635.128 pessoas que tomaram a primeira dose, segundo o registro na plataforma RN+ Vacina até o fim da manhã desta segunda-feira (29).

Na sexta-feira (26) a sesaprn distribuiu o primeiro lote de vacinas destinado à dose de reforço para o público abaixo dos 60 anos, naquelas cidades que já estejam aptas para ampliação da campanha de vacinação.

📸 Elisa Elsie

RN registra taxa de ocupação de leitos críticos para covid de 39,1%

Pacientes internados em leitos clínicos e críticos somam 108.

A taxa de ocupação de leitos críticos das unidades públicas de saúde no RN é de 39,1%, registrada no início da tarde desta terça-feira (30). Pacientes internados em leitos clínicos e críticos somam 108.

Até o momento desta publicação são 98 leitos críticos (UTI) disponíveis e 63 ocupados, enquanto em relação aos leitos clínicos (enfermaria), são 98 disponíveis e 45 ocupados.

Segundo a Sesap, a Região metropolitana apresenta 43,1% dos leitos críticos ocupados, a região Oeste tem 31,8% e a Região Seridó tem 33,3%.

Fábio Faria confirma filiação ao PP e pré-candidatura ao Senado

Um dos assuntos mais comentados nos últimos dias no noticiário político foi a possível indicação do ministro das Comunicações, Fábio Faria, para ser o vice-presidente de Jair Bolsonaro nas eleições de 2022. Nesta segunda-feira (29), durante agenda de entregas do Ministério das Comunicações no Rio Grande do Norte, o ministro reafirmou: “Sou pré-candidato ao Senado!”.

Foto: Evaristo Sá/AFP

“O PP provavelmente vai indicar o vice, mas isso vai ser no momento certo. Eu hoje estou focado em trabalhar pelo Brasil, trabalhar pelo Rio Grande do Norte. Agenda intensa. Mas hoje, minha posição é de pré-candidato ao Senado”.

Fábio Faria cumpriu agenda administrativa hoje (29) no Rio Grande do Norte, com entregas do Ministério das Comunicações para 45 municípios potiguares. Foram dados 500 computadores para escolas municipais, instalados mais de 30 pontos de internet banda larga gratuita, a maioria em comunidades rurais, além de instalação de antenas para sinal digital de TV, com liberação de novos canais.

A solenidade de entregas, no município de Ceará Mirim reuniu prefeitos, vereadores, deputados estaduais e federais, lideranças políticas, estudantes, educadores, além de uma multidão prestigiando as entregas do Governo Federal, na praça da Igreja Matriz de Ceará Mirim.

BG

VÍDEO: Fátima está “fazendo caixa para o ano eleitoral”, diz Fábio Dantas

O ex-vice-governador Fábio Dantas tem uma teoria sobre o caos na saúde do Rio Grande do Norte, que diariamente sofre com hospitais lotados até os corredores, falta de insumos básicos e de pagamento de fornecedores e terceirizados. Para ele, o governo Fátima Bezerra deve estar “fazendo caixa” para 2022, ano de eleição para governador.

Governadora Fátima Bezerra (PT)

“Eu não sei o que passa na cabeça, eu imagino que deva ser fazer caixa para o ano eleitoral, não tem outra explicação, porque é tentar mostrar o eldorado no último ano de governo”, disse Fábio em entrevista ao Hora Extra da Notícia nesta sexta-feira (19).

Fábio lamentou ainda que “a população sofre diariamente” nos hospitais e criticou diretamente a governadora Fátima Bezerra pela falta de gestão e controle das finanças públicas do RN.

“A cada ano nós aumentamos a receita, mas aumentamos também a despesa, porque o Estado não tem um controle das suas finanças públicas. A governadora atual do Rio Grande do Norte nunca administrou nada, nem um carrinho de cachorro quente, então fica difícil você tem uma pessoa que possa entender o mínimo de um orçamento público”, observou.

Assista ao vídeo da entrevista no link abaixo:

Portal Grande Ponto

PF prende em aeroporto de SP homem suspeito de matar técnica de enfermagem em Natal

A Polícia Federal prendeu na manhã do último sábado (13) um homem investigado pelo assassinato da técnica de enfermagem Rosângela Alves Soares, que aconteceu no estacionamento de uma farmácia na Zona Norte de Natal no dia 15 de outubro.

PF em ação

Segundo a corporação, o homem foi preso ao tentar embarcar em um voo no aeroporto de Congonhas, em São Paulo, com destino ao Rio Grande do Norte.

Após receber informação da Superintendência Regional da PF no Rio Grande do Norte, os policiais federais de São Paulo cumpriram mandado de prisão temporária expedido pela 2ª Vara Criminal da Comarca de Natal e deram voz de prisão ao suspeito.

Ainda de acordo com a PF, ele foi levado à Polícia Civil de São Paulo para ser encaminhado ao sistema penitenciário, onde permanecerá à disposição da Justiça Estadual potiguar.

A investigação do caso é conduzida pela Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) em Natal. O g1 RN procurou a Polícia Civil para questionar a identidade do preso e a possível motivação do crime, mas não recebeu retorno sobre o assunto até a publicação desta matéria.

O crime

Rosângela Alves Soares, de 39 anos, foi executada a tiros no estacionamento de uma farmácia da Zona Norte de Natal, à luz do dia, na manhã da sexta-feira 15 de outubro.

O caso aconteceu pouco após 8h na avenida Tomaz Landim – uma das mais movimentadas da região.

O corpo da vítima ficou caído sobre os bancos do motorista e passageiro em um carro de cor branca estacionado no local.

De acordo com a Polícia Civil, a mulher morava em São Gonçalo do Amarante e trabalhava como técnica de enfermagem. A Polícia Militar, a Polícia Civil e o Instituto Técnico-Científico de Perícia foram acionados ao local e localizaram várias cápsulas de pistola.

Na ocasião, o delegado Marcus Vinícius, da DHPP, afirmou que a mulher entrou na farmácia e estava voltando para o carro, quando um assassino se aproximou e atirou várias vezes. Ele fugiu em seguida, em uma moto.

“Foi execução. Muitos tiros, na região da cabeça, região do pescoço e tórax”, afirmou na ocasião.

As possíveis motivações do crime não foram informadas, mas a polícia constatou que nem o dinheiro, nem os pertences da vítima foram levados.

G1

Porto do Mangue/RN: Justiça prorroga afastamento do prefeito Sael Melo; Vice Faustino segue na interinidade

A Justiça do Rio Grande do Norte, prorrogou nesta terça-feira (03/04) o prazo de afastamento do prefeito eleito no município de Porto do Mangue, Sael Melo (MDB), por mais 120 dias. Ele já está afastado de suas funções  desde o dia 20 de outubro. 

O prefeito é investigado pela Justiça sob a acusação de fraudes em contratos da Prefeitura. É a terceira vez que a justiça decide pelo afastamento do chefe do executivo portomanguense.

Neste caso, o vice-prefeito Francisco Faustino(PROS) continua no comando da Prefeitura até que saia uma decisão definitiva sobre o caso.

O Vice Francisco Faustino assumiu interinamente pela segunda vez o comando da Prefeitura de Porto do Mangue, em 20 de outubro. 

O Vice Francisco Faustino assumiu interinamente pela segunda vez o comando da Prefeitura de Porto do Mangue, em 20 de outubro

Sael Melo ingressou oficialmente na vida pública no ano de 2016, ao se eleger prefeito da cidade de Porto do Mangue, à época pelo PHS, com 2.192 votos(55,09%). Conseguiu se reeleger no pleito de 15 de novembro de 2020, desta vez pelo MDB, conquistando 2.222 sufrágios, o equivalente a 52,44% dos votos válidos, tomando posse em 01º de janeiro de 2021. Mas vem enfrentando dificuldades para cumprir o seu segundo mandato constitucional.

Foi afastado pela primeira vez no dia 18 de junho, pelo prazo de 90 dias. Conseguiu reassumir o cargo em 18 de setembro. 

Mas, em 20 de outubro, sofreu novo afastamento, e o vice Faustino foi empossado  pela segunda vez no cargo de prefeito interino, inicialmente pelo prazo estipulado de 60 dias. 

Com a nova decisão da última terça(03 de novembro), Sael ficará afastado por até 180 dias(06 meses). 

Sesap distribui mais de 133 mil doses de vacina contra Covid

A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) distribui, na tarde de hoje (03), mais 133.818 doses de vacina contra a Covid-19, dando continuidade à Campanha Estadual de Vacinação.

Imunizantes são destinados para aplicação da D1, D2 e dose de reforço

São 46.524 doses do imunizante da Pfizer destinadas para aplicação da dose de reforço em trabalhadores da saúde (28.368 doses) e idosos acima dos 60 anos (18.156 doses). Mais 53.250 doses da Pfizer para ajuste da segunda dose na população com Astrazeneca/Oxford em atraso. E outras 34.044 doses para aplicação da primeira dose em adolescentes entre 12 e 17 anos.

Diante do elevado quantitativo de doses de Coronavac disponíveis nos municípios potiguares e conforme pactuado na Câmara Técnica da Vacina, a Sesap orienta que a população a partir dos 18 anos que ainda não tomou a primeira dose deve ser vacinada exclusivamente com o referido imunizante.

Mais Vacina

O Rio Grande do Norte recebeu, na manhã de hoje, um lote com 88.920 doses do imunizante da Pfizer, com doses para continuidade da vacinação dos potiguares.

Imunização

De acordo com a plataforma RN + Vacina, 79% dos potiguares já receberam a primeira dose da vacina contra o coronavírus, correspondendo a cerca de 2.513.352 de pessoas vacinadas; e, 57% da população já está totalmente vacinada. Já em relação aos adolescentes entre 12 e 17 anos, 56% dos jovens já receberam a primeira dose de imunizante.