Prefeitura de Pedro Avelino torrou em quatro meses R$ 258 mil reais em oficinas para consertar veículos

O ano de 2022, foi atípico na gestão do prefeito Alexandre Sobrinho (MDB), quando se trata de despesas com manutenção da frota oficial do município.

O município de Pedro Avelino/RN, simplesmente já gastou em apenas quatro meses dese ano, o valor de R$ 250 mil reais, somente de oficinas para conserto de carros. Um valor considerável para um município do porte de Pedro Avelino.

https://www.blogpendenciasnews.com/noticia/10823/pedro-avelino-onde-foram-gastos-mais-de-r-250-mil-reais-de-manutencao-de-veiculos

📌Ajude nosso blog a continuar independente, faz um pix 046.225.014-81

SÃO JOÃO 2022: Prefeitura de Pedro Avelino define datas e atrações do maior São João da região; confira

Na programação, nomes como Taty Girl, Luan Estilizado, Zezo, Henry Freitas, Edyr Vaqueiro e Banda Grafith

Rede Social

O São João de Pedro Avelino está oficialmente de volta, com o lançamento oficial feito neste sábado (16), nas redes sociais da Prefeitura de Pedro Avelino/RN.

O último São João foi realizado pelas escolas municipais em formato unificado e já contou com uma grande estrutura, e agora, é retomado em grande estilo para levar alegria e entretimento para os pedroavelinenses e toda a região.

Rede Social

A tradicional festa junina promete aquecer a economia do Município e gerar empregos diretos e indiretos durante os 7 dias de Festas

A festa junina terá início no dia 18 de junho e segue até o dia 24. Confira:

  1. Pedro Lima
  2. Abiel
  3. Zezo

DIA 18/06

DIA 19/06

  1. Pode Balançar
  2. Jonh Sensação
  3. Luan Estilizado

DIA 20/06

  1. Xote Swingado
  2. Grafith
  3. Taty Girl

DIA 21/06

  1. Thalisson Vaqueiro
  2. Xodó Nordestino
  3. Henry Freitas

DIA 22/06

  1. Pedro Matias
  2. Forró Melado
  3. Edyr Vaqueiro

DIA 23/06

  1. Forró Resenha
  2. Pegada do Coyote
  3. Briola Sales

DIA 24/06

  1. Pedro Lima
  2. Lítto Lins
  3. André Luví

📌Ajude nosso blog a continuar independente, faz um pix 046.225.014-81

Prefeito José Alexandre Sobrinho vai ter que explicar por que foi feita a licitação dos gêneros alimentícios (merenda escolar) mesmo com as escolas fechadas

O Prefeito de Pedro Avelino/RN, José Alexandre Sobrinho (MDB), recebeu notificação do Tribunal de Contas do Estado (TCE), para apresentar documentos sobre várias questões relativas à licitação dos gêneros alimentícios que ele fez em, 01 de abril de 2021. O prefeito tem até a próxima quinta-feira, 09/12.

A licitação (pregão eletrônico 08/2021) foi feita mesmo com as escolas fechadas (época) e sem nenhuma perspectiva de retorno das aulas presenciais na época.

A Empresa beneficiada é: FD Comércio de Alimentos Ltda – sediada na Av. Capitão Mor Gouveia, shopping Ceasa, lojinha n° 16, Lagoa Nova – Natal/RN.

O pior de tudo isso é que a “empresa” passa o dia fechada! E os vizinhos afirmam “que nunca abriu”!

O blog denunciou a falta de transparência e o valor milionário de R$ 1.385.947,56 da licitação (pregão eletrônico), em 07 de agosto de 2021.

Covid19: Pedro Avelino ultrapassa a marca dos 300 casos confirmados

A SMSPA informou nesta segunda-feira, 19, através de uma rede social que o município de Pedro Avelino/RN, ultrapassou a marca de 300 casos confirmados do novo coronavírus.

O boletim epidemiológico trouxe mais precisamente: 303 casos confirmados; 297 recuperados; 00 suspeitos; 1096 notificados; 793 descartados; 05 óbitos e 02 monitorizados.

BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO
19 DE JULHO DE 2021.
SMSPA Pedro Avelino/RN.
Atualizado às 13:30 em 19/07/2021

Pedro Avelino: A segunda parcela do FPM de julho será pouco mais de R$ 61 mil

A Confederação Nacional de Municípios (CNM) informou no ultimo dia, 16 de julho, a segunda parcela do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) de julho será de R$ 905.059.741,26. A transferência representa 20% do total mensal, considera o período entre os dias 1º e 10 e entra nos cofres municipais na próxima terça-feira, 20. Ano passado, o repasse somou R$ 713 milhões, pouco menos do que valor atual com a retenção do Fundo Nacional da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) – R$ 724.047.793,01.

Segundo levantamento da Confederação Nacional de Municípios (CNM), este decêndio de julho será positivo em 26,79%, mas, considerando a inflação, o crescimento reduz para 18,6%. Ao somar a primeira e a segunda transferência, o FPM do sétimo mês do ano soma R$ 5,6 bilhões contra R$ 4 bilhões de 2020. O mês está 38,80% melhor ou, considerando a inflação, 29,25% maior.

Até o momento, em todos os meses, o fundo foi superior e já repassou mais de R$ 77 bilhões aos Entes municipais. Por mês, o crescimento menos expressivo ocorreu em fevereiro, apenas 4,13%. Em abril, maio e julho, a alta respectiva foi de 25,44%, 42,57% e 51,86%, já considerando a inflação. O acumulado do ano tem crescimento de 30,35%. Com a inflação do período, esse cenário fica em 22,42%.

Esta semana, o presidente Paulo Ziulkoski, da CNM, denunciou o impacto que o relatório da Reforma do Imposto de Renda (IR) pode causar no fundo dos Municípios, uma vez que é composto pelo IR e pelo Imposto Sobre Produtos Industrializados (IPI). “Embora haja um justo clamor por reduzir a carga tributária, R$ 13,1 bilhões serão subtraídos dos cofres municipais”, protestou o líder municipalista por meio de nota, que ganhou ampla divulgação.

Distribuição
Ziulkoski lembra ainda que a distribuição da verba é mais favorável aos grandes centros urbanos e as pequenas cidades têm dificuldade com a prestação de serviços. Conforme mostra o levantamento deste decêndio, as 2.447 prefeituras de coeficientes 0,6 ficarão com R$ 178.265.448,11 do montante. Além disso, sob os valores brutos do repasse, cada gestão deve destinar 15% para saúde e 1% para o Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep).

Em relação ao resultado positivo, a CNM volta a lembrar da sazonalidade das receitas federais, que impactam diretamente nos valores repassados aos Entes locais. “Quando se avalia mês a mês, o comportamento dos repasses realizados, nota-se que ocorrem dois ciclos distintos: no primeiro semestre os maiores repasses; e entre julho e outubro, os valores diminuem significativamente”, alerta.

Confira o levantamento na íntegra

Por Raquel Montalvão
Da Agência CNM de Notícias

FPM de julho: Pedro Avelino vai receber R$ 289.172,47 no primeiro repasse

FPM de julho começa com repasse de R$ 4,7 bilhões; transferência ocorre no dia (9)

Mais de R$ 4,7 bilhões. Esse será o valor do primeiro repasse do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) de julho. A cota-parte de cada uma das 5.568 prefeituras entra nas contas específicas nesta sexta-feira, 9. Com base nos dados da Secretaria do Tesouro Nacional (STN), o montante será 41,34% maior que o mesmo repasse ocorrido ano passado. No entanto, quando se considera a inflação do período, o crescimento do Fundo fica em 31,62%.

Se calcular o desconto de 20% do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb), o valor partilhado deixa de ser R$ 4.764.853.786,54 e reduz para R$ 3.811.883.029,23. Conforme explica a entidade, o primeiro decêndio representa metade do valor esperado para o mês inteiro. Sobre o montante, individualmente, os gestores devem aplicar 15% da saúde e destinar 1% ao Pasep.

Os dados são calculados pelos Estudos Técnicos da Confederação Nacional de Municípios (CNM) a partir do resultado do Imposto de Renda e Imposto sobre Produtos Industrializados (IR) e (IPI) entre os dias 20 e 30 do mês anterior. Até o momento, em todos os meses, o FPM tem sido maior que os repasses ocorridos em 2020. Na mesma época do ano passado, os cofres municipais haviam recebido R$ 58,5 bilhões.

De janeiro até agora, o Fundo dos Entes municipais já contabilizou R$ 76,3 bilhões. Ainda com a inflação, o Fundo de 2021 está 22,48% maior e o 1% adicional de julho foi 15,85% superior. Esses valores e os demais repasses constitucionais podem ser conferidos pelos gestores locais no conteúdo exclusivo do site. Sobre isso, os Estudos Técnicos da CNM alertam para o incerto cenário econômico, que afeta diretamente nos repasses dos Municípios.

“Quando se avalia mês a mês, nota-se dois ciclos distintos: no primeiro semestre, ocorrem os maiores repasses; e, entre julho e outubro, os valores diminuem significativamente”, explica o primeiro levantamento do mês. O presidente Paulo Ziulkoski, da CNM, tem chamado atenção para a crise enfrentada nas prefeituras por conta da pandemia. Essa questão acende o sinal amarelo, a instabilidade causada pela Covid-19 e a suspeita de uma terceira onde de contaminações.

Do total repassado, os Municípios de coeficientes 0,6 ficarão com R$ 938.511.301,21. Assim, 2.447 prefeituras ficam com apenas 19,70% do montante total. Em contrapartida, os 168 Entes municipais de e coeficientes 4,0 receberão valor de R$ 627.368.393,76, o que representa 13,17% dos R$4,5 bilhões repassados.

Veja o levantamento completo AQUI

Da Agência CNM de Notícias

Cidadão reclama da falta de transparência do processo simplificado seletivo da prefeitura de Pedro Avelino para coveiro e podador

Na tarde desta quinta-feira (24) a nossa redação recebeu uma denúncia que põe em check a lisura no processo seletivo simplificado da prefeitura de Pedro Avelino/RN para coveiro e podador.

Segundo, o denunciante que vamos preservar o nome. Ele foi a sede da prefeitura em busca de informações para fazer sua inscrição na seletiva e para sua surpresa ninguém soube informar que seletiva era essa que ele tava falando. O denunciante foi encaminhado a sala da secretaria de planejamento e administração e lá também ninguém soube explicar ou não quis falar nada.

O mais interessante de tudo isso é que a data das inscrições foi de, 14/06 ate 18/06, das 8h ate 13hs, apenas quatro dias para as inscrições. O denunciante esteve na prefeitura dentro do horário especificado no edital e não tinha ninguém para da informações concretas.

O processo simplificado seletivo N° 02/2021 não teve a publicidade adequada nas página oficias da prefeitura, blogs ou em qualquer outro meio de comunicação para da visibilidade aos interessados em fazer sua inscrição.

É importante que a casa legislativa de Pedro Avelino/RN, procure apurar os fatos e cobrar respostas do poder executivo.

Edital em anexo

Denúncia gravíssima! Funcionários fantasmas na prefeitura de Pedro Avelino

Recentemente o vereador, Jussier Carlos (MDB) da base aliada do prefeito de Pedro Avelino, Alexandre Sobrinho (MDB), levantou suspeitas gravíssimas no tocante à prática de “funcionários fantasmas” que não dão seus expedientes na prefeitura. Sabe-se que nos corredores da Prefeitura existem varias secretarias que funcionam: Administração, Finanças, Tributação, Agricultura, Obras, Controladoria, Procuradoria, Chefia de Gabinete e Tesouraria.

O víde foi gravado por um ex-secretario da gestão e atual vereador no uso de suas atribuições legais (vereador da base do prefeito), mostrou a realidade que Pedro Avelino vivência hoje.

O prefeito sabe que quem são os fantasmas (gasparzinhos) que estão na folha de pagamento por ele autorizada.

Prefeitura de Pedro Avelino vai gastar mais de 720 mil reais com material de expediente

O prefeito de Pedro Avelino, Alexandre Sobrinho (MDB), vai gastar a bagatela de R$ 723.922,77 em materiais de expediente. A informação foi divulgada no Diário Oficial dos Municípios (Femurn). O gasto municipal é referente a contratação de uma empresa que vai fornecer os materiais para as secretarias e demais órgãos da prefeitura.

Reprodução

Conforme o documento, a empresa escolhida é: Elias Avelino dos Santos EPP, CNPJ 24.208.480/0001-49, rua: Av. Cel. Estevam, 1598, Natal – RN- 59.035-000
Responsável: Elias Avelino dos Santos
CPF 307.504.904-20 RG 364.531-SSP RN

Resta saber pra que tanto material de expediente, uma vez que todos os municípios estão com trabalhos reduzidos devido a crise de saúde da covid19.

Fonte: Femurn