Neide Suely participa de sessão solene em homenagem aos 105 anos da Escola Doméstica

Ocorreu nesta segunda-feira, 18, às 09hs da manhã no plenário Deputado Clóvis Motta “Sessão Solene em homenagem aos 105 anos da escola Doméstica”, proposição do deputado Ezequiel Ferreira.

Parabéns!!!

Ex-vocalista da Cavaleiros do Forró homenageia Gabriel Diniz no São João de Campina Grande

Bell Oliver e GD foram vocalistas da banda Cavaleiros do Forró; grupo cantou ‘Paraquedas’ junto ao público que lotou o Parque do Povo.

Por Iara Alves, G1 PB

09/06/2019 10h53  Atualizado há 4 horas


Bell Oliver, que foi vocalista do Cavaleiros do Forró ao lado de Gabriel Diniz, fez homenagem ao cantor no São João de Campina Grande, durante show da banda Calcinha Preta — Foto: Iara Alves/G1
Bell Oliver, que foi vocalista do Cavaleiros do Forró ao lado de Gabriel Diniz, fez homenagem ao cantor no São João de Campina Grande, durante show da banda Calcinha Preta — Foto: Iara Alves/G1

Parte do show da banda Calcinha Preta, realizado na edição 2019 do São João de Campina Grande, foi dedicado ao cantor Gabriel Diniz. Para homenagear o artista neste sábado (8), Bell Oliver, que é ex-vocalista da banda Cavaleiros do Forró, convidou o público que estava no Parque do Povo para cantar a música “Paraquedas”, hit conhecido nas vozes de GD e da dupla sertaneja Jorge e Mateus.

Para Bell, esse foi o momento “mais importante do show”. Gabriel Diniz morreu no dia 27 de maio. Ele foi vítima de um acidente de avião que aconteceu em Sergipe. O show de GD estava confirmado na programação do evento para o dia 30 de junho.

A banda refletiu sobre os perigos de pegar a estrada e o ônus da vida de artista. A alegria, irreverência e o talento de Gabriel também foram lembrados. “Todos estamos sujeitos a isso. Com 28 anos de idade ele deixou a sua marca entre nós”, disse o cantor ao lamentar a morte prematura do colega a quem se referiu como “anjo Gabriel”, justificou Bell.

O quarteto pediu para que a organização do evento desligasse parte da iluminação da arena de shows e que os fãs acendessem as luzes dos celulares. Juntos, artistas e público entoaram um coral em homenagem a Gabriel Diniz.

Gabriel Diniz no clipe de 'Paraquedas' — Foto: Reprodução/YouTube/Gabriel Diniz
Gabriel Diniz no clipe de ‘Paraquedas’ — Foto: Reprodução/YouTube/Gabriel Diniz

Viúvo que se vestiu de ‘mãe’ parar ir com filha a festa do Dia das Mães se surpreende com repercussão: ‘Levei amor’

Mulher de Daniel Correa morreu há quase 3 anos e, desde então, ele é o ‘pãe’ da Luna. Eles gravaram uma mensagem para este Dia das Mães; veja vídeo.

Por Paula Resende, G1 GO

 


Daniel Correa atende pedido da filha e veste roupa de 'mãe' para ir na festa do Dia das Mães na escola — Foto: Reprodução/Intagram
Daniel Correa atende pedido da filha e veste roupa de ‘mãe’ para ir na festa do Dia das Mães na escola — Foto: Reprodução/Intagram

O viúvo que se vestiu de “mãe” para ir à festa do Dia das Mães na escola da filha, está surpreso com a repercussão da atitude dele. Para Daniel Correa, de 33 anos, o objetivo era arrancar um sorrisinho de Luna, de 5 anos, mas ele conquistou e emocionou milhares de pessoas.

“Acho que levei um grão de amor e influência positiva para quem passa ou que já passou por um momento de dor. Agradeço imensamente a Deus por ter tido a oportunidade de tocar no coração de tanta gente”, disse o pai.

Após a reportagem do G1, o post de Daniel nas redes sociais sobre o caso passou de 500 curtidas para mais de 350 mil. A história foi compartilhada em incontáveis plataformas.

A mãe de Luna, Stella Noleto, morreu há quase três anos por complicações de uma doença chamada Lúpus. Após a morte da mãe, esta foi a primeira vez que a menina quis participar das comemorações pelo Dia das Mães na escola.

Viúvo que bombou na web após se vestir de ‘mãe’ grava mensagem para o Dia das Mães

 

Neste domingo, dia oficial em que se comemora a data, Luna e o pai gravaram um vídeo em homenagem a todas as mães.

“Quero desejar feliz dia das mamães para todas as mamães e ‘pães’, que a felicidade esteja acima de tudo no coração de cada um de vocês. Obrigado por tudo”, declarou Daniel.

Pedido de Luna

Antes da festa em homenagem às mães, Luna fez um pedido inusitado para o pai. “Todo Dia das Mães é extremamente delicado para ela, mas dessa vez ela falou: ‘Papai. Estamos ensaiando uma música para o Dia das Mães, mas eu não tenho mamãe. Minha mãe foi morar com Papai do Céu’. Foi então que ela me pediu que eu fosse a mamãe dela por um dia na festa. Ela queria que eu fosse de barba rosa e peruca loira”, contou o pai.

Daniel disse que tentou convencer a filha de que a avó ou a tia de Luna fossem no lugar dele, mas ela insistiu, “com os olhos cheios de lágrimas”, que ele fosse. Assim, no dia da festa, quinta-feira (9), lá estava o empresário do jeito que a filha pediu.

Com ajuda da irmã, ele colocou um vestido da mãe dele, calçou salto alto, passou batom, sem esquecer, é claro, da peruca e a barba rosa.

Daniel contou com ajuda da irmã e da mãe para se caracterizar, mas para isso teve comprar a peruca e a tinta rosa — Foto: Reprodução/Intagram
Daniel contou com ajuda da irmã e da mãe para se caracterizar, mas para isso teve comprar a peruca e a tinta rosa — Foto: Reprodução/Intagram

Daniel classificou a reação da filha ao vê-lo vestido de mãe como impagável.

“Ela riu, impressionada e admirada, e disse que me amava. Mas não deixou de reparar o batom borrado! Foi impagável a reação dela”, lembrou o pai

A própria Luna contou para o G1 como foi ver o pai com roupa de mamãe. “Foi engraçado porque ele passou batom um pouquinho errado e ficou borrado. Meu papai ficou meio lindo de mamãe, mas depois que tirou a roupa de mamãe ficou bonito”.

A reação de alegria da Luna, segundo Daniel, contagiou também os amiguinhos de sala dela. “Tem um grupo de WhatsApp da escola, e teve uma mãe que contou que o filho perguntou quem era aquela nova mãe que estava tão elegante”.

A emoção também tomou conta da festa. “As outras mães todas choraram. A turma dela é mesma desde o falecimento da Stella. Então todos acompanharam desde o início. Sempre fui o ‘pãe’ dela”, afirmou o investidor, que mora com a filha e uma babá.

Stella Noleto, mãe da Luna, morreu em setembro de 2016, após complicações por conta da Lúpus — Foto: Reprodução/Instagram
Stella Noleto, mãe da Luna, morreu em setembro de 2016, após complicações por conta da Lúpus — Foto: Reprodução/Instagram

Veja outras notícias da região no G1 Goiás.

Deputado José Adécio homenageia o neurocirurgião Dr. André Corsino em solenidade na Assembleia

 

O Deputado José Adécio participou nesta última quarta-feira 14/11, ao lado da sua esposa, ex-prefeita Neide Suely, da Sessão Solene em Homenagem ao dia do Médico, ocasião em que homenageou o médico neurocirurgião, Dr. André Corsino da Costa, que no momento está fazendo uma especialização na tradicional universidade parisiense Sorbonne, na França, e foi representado pelo o seu pai, Sr. Joaldo Bezerra da Costa.

Assessoria do deputado