Palmeira acaba com invencibilidade do América-RN na retomada do Campeonato Potiguar

Com gols de Everaldo e Michel, Verdão do Agreste vence de virada, no Frasqueirão, em Natal

Por Redação do ge — Natal

08/04/2021 17h17  Atualizado há 11 minutos


Everaldo fez o primeiro gol do Palmeira diante do América-RN — Foto: Alexandre Lago
Everaldo fez o primeiro gol do Palmeira diante do América-RN — Foto: Alexandre Lago

O Palmeira impôs ao América-RN a primeira derrota no Campeonato Potiguar 2021. De virada, o Verdão do Agreste surpreendeu e venceu o Alvirrubro por 2 a 1 na tarde desta quinta-feira, na retomada da competição. Os gols da vitória foram marcados por Everaldo e Michel; Caxito abriu o placar. O jogo foi realizado no Estádio Frasqueirão, em Natal.

Com o resultado, o Palmeira, que não vencia desde a estreia, chegou aos sete pontos conquistados em cinco jogos, mas, como foi punido pelo Tribunal de Justiça Desportiva com a perda de nove pontos pela escalação irregular do garoto Eduardo Vinícius, fica com saldo negativo de dois pontos – o caso ainda irá ao Pleno do TJD. O América segue na liderança, com 10 pontos, três a mais que o rival ABC, que tem duas partidas a menos.

+ CONFIRA A TABELA DO CAMPEONATO POTIGUAR

O jogo

O América saiu na frente logo aos oito minutos. Romarinho chutou forte de fora da área, o goleiro Ruan deu o rebote e Caxito não desperdiçou. Pouco depois, Wallace Pernambucano, de cabeça, acertou o travessão. Alan Calbergue, uma das novidades de Evaristo Piza, também mandou uma bola na trave no primeiro tempo. O Palmeira só assustou nos acréscimos, quando Paulinho, de cabeça, forçou Samuel Pires a fazer uma grande defesa no ângulo.

Na segunda etapa, o América parecia acomodado e deixou o Palmeira crescer. A entrada de Jadson deu nova vida ao meio-campo do Verdão do Agreste, que chegou ao empate aos 24 minutos. Everaldo cobrou falta de longe, a bola passou pelo meio da barreira e Samuel Pires aceitou. O Alvirrubro respondeu em cruzamento de Luan Silva que Wallace Pernambucano, no carrinho, na pequena área, mandou para fora. A virada do Palmeira veio aos 33 minutos. Gustavinho lançou Michel nas costas da zaga americana, e o atacante mandou de primeira para as redes. Aos 45, Wallace Pernambucano cobrou falta com categoria e a bola explodiu no travessõa. Beto também levou perigo nos acréscimos, mas parou no goleiro Ruan.

Neymar e Mbappé decidem e PSG derrota Bayern por 3 a 2

Chelsea supera Porto na Liga dos Campeões

Publicado em 07/04/2021 – 20:12 Por * Agência Brasil – Rio de Janeiro

Com Neymar como garçom, e Mbappé como artilheiro, o PSG derrotou o Bayern de Munique por 3 a 2, nesta quarta-feira (7) na Alemanha, no jogo de ida das quartas de final da Liga dos Campeões.

A dupla de atacantes do time de Paris começou a brilhar logo aos 3 minutos de confronto, quando Neymar tocou para Mbappé chutar e vencer o goleiro alemão Neuer. O camisa 10 do PSG voltou a aparecer com um passe decisivo aos 28 minutos, quando cruzou para o brasileiro Marquinhos marcar.

O atual campeão da Liga dos Campeões ainda ensaiou uma reação ao empatar com gols do camaronês Choupo-Moting, aos 38 minutos da etapa inicial, e do alemão Müller, no início do segundo tempo.

Porém, aos 23 minutos da etapa final Mbappé recebeu a bola após rápido contra-ataque e chutou de direita para garantir a vitória de 3 a 2. Este foi o 8º gol do francês na atual edição da competição europeia.

Triunfo do Chelsea

No outro jogo do dia, o Chelsea venceu o Porto por 2 a 0 com gols dos ingleses Mason Mount e Ben Chilwell, um em cada tempo, em confronto no qual o clube de Londres aproveitou ao máximo suas poucas oportunidades.

O jogo de volta, no dia 13 de abril, também será disputado no estádio Sánchez Pizjuan, em Sevilha, em razão das restrições de viagens entre Portugal e Inglaterra por causa da pandemia do novo coronavírus (covid-19).

* Com informações da agência de notícias Reuters.

Espanhol: Barcelona vence e fica a apenas um ponto do líder Atlético

Francês Dembélé garantiu a vitória de 1 a 0 sobre o Valladolid

Publicado em 05/04/2021 – 19:09 Por Richard Martin – Barcelona (Espanha)

O atacante francês Dembélé garantiu a vitória de 1 a 0 do Barcelona sobre o Real Valladolid, em partida realizada nesta segunda-feira (5) no Camp Nou. Com este resultado, a equipe catalã terminou a 29ª rodada do Campeonato Espanhol a apenas um ponto do líder Atlético de Madri.

FULL TIME! pic.twitter.com/sInEohjgpl— FC Barcelona (@FCBarcelona) April 5, 2021

O Valladolid teve uma atuação disciplinada, mas ousada, e poderia ter aberto o placar logo no início, quando Kodro cabeceou na trave, enquanto Roque Mesa teve duas chances claras, em chutes para fora.

O Barça esteve perto de marcar antes do intervalo, quando o goleiro Jordi Masip espalmou um chute de Pedri na trave. O goleiro frustrou Dembélé no segundo tempo e acompanhou com alívio quando o francês Griezmann cabeceou para fora no rebote.

Os catalães receberam uma ajuda quando Oscar Plano, do Valladolid, foi expulso aos 34 minutos da segunda etapa por falta em Dembélé, e finalmente celebraram a vitória quando o atacante francês acertou um chute com o pé esquerdo.

A sexta vitória consecutiva da equipe de Ronald Koeman no Espanhol a levou ao segundo lugar, e aos 65 pontos, dois acima do Real Madrid, terceiro colocado, e um atrás do Atlético, que foi derrotado por 1 a 0 pelo Sevilla no domingo.

We now control our own destiny. pic.twitter.com/OhXqYNRXzq— FC Barcelona (@FCBarcelona) April 5, 2021

Vale destacar que o Barcelona recebe o Atlético de Madri no estádio do Camp Nou no dia 9 de maio, pela 35ª rodada da competição.

Maria Portela garante primeiro ouro do judô brasileiro em 2021

Gaúcha foi ao topo do pódio no Grand Slam de Tbilisi, na Geórgia

Publicado em 27/03/2021 – 15:54 Por Lincoln Chaves – Repórter da TV Brasil e da Rádio Nacional – São Paulo

Saiu a primeira medalha de ouro do judô brasileiro em 2021. Neste sábado (27), Maria Portela foi ao topo do pódio da categoria até 70 quilos no Grand Slam de Tbilisi (Geórgia). A gaúcha de 33 anos, atualmente a 14ª colocada do peso no ranking da Federação Internacional da modalidade (IJF, sigla em inglês), assegurou mil pontos e pode assumir um lugar entre as dez primeiras do mundo, ficando mais perto de ser cabeça-de-chave na Olimpíada de Tóquio (Japão).

Portela estreou vencendo a lituana Ugne Pileckaite, que estourou o limite de três punições por falta de combatividade. Na luta seguinte, superou a neerlandesa Donja Vos por ippon (golpe perfeito, em que o judoca derruba o adversário de costas). Nas quartas de final, derrotou Asma Alrebai, do Bahrein, que também excedeu as três punições. Na semifinal, levou a melhor sobre a belga Gabriela Willems com um wazari (quando o atleta golpeado cai com parte das costas no tatame, rende um ponto) no golden score (tempo extra, em que quem pontuar, ganha). Na decisão, a brasileira forçou a russa Madina Taimazova a estourar o limite de infrações e garantiu o ouro.

Também na categoria até 70 quilos, Ellen Santana acabou superada na primeira luta pela venezuelana Elvismar Rodriguez, que aplicou um ippon faltando dois minutos e 34 segundos para o fim da luta. Há duas semanas, a mesma rival venceu Ellen na disputa pela medalha de bronze no Grand Slam de Tashkent (Uzbequistão).

Na categoria até 63 quilos, Ketleyn Quadros derrotou a italiana Nadia Simeoli (wazari) e a dinamarquesa Laerke Olsen (ippon), mas caiu para a russa Daria Davydova (wazari) nas quartas. Na repescagem, sofreu um ippon da húngara Szofi Ozbas – que conquistou o bronze – e ficou sem medalha. Já Aléxia Castilhos foi vencida no primeiro combate pela chinesa Junxia Yang. A brasileira chegou a encaixar um wazari na rival (que levou a prata) e ficar à frente, mas sofreu um ippon a um minuto e 55 segundos do fim e acabou eliminada.

O Brasil teria dois representantes nas categorias masculinas neste sábado, mas Eduardo Katsuhiro (até 73 quilos) testou positivo para o novo coronavírus (covid-19) e teve que ser isolado. Como esteve próximo do companheiro de seleção, Eduardo Yudi Santos (até 81 quilos) também foi afastado, como medida preventiva. Conforme a Confederação Brasileira de Judô (CBJ), os dois lutadores estão assintomáticos, cumprindo os protocolos sanitários e supervisionados pela comissão médica da entidade.

A participação brasileira na Geórgia teve início na sexta-feira (26), com quatro judocas. O melhor desempenho foi de Larissa Pimenta, que foi à disputa do bronze na categoria até 52 quilos, sendo derrotada pela portuguesa Joana Ramos. Na categoria até 57 quilos, Ketelyn Nascimento ganhou os dois primeiros combates, mas foi superada pela eslovena Kaja Kajzer nas quartas de final e pela sérvia Marica Perisic na repescagem. No mesmo peso, Jéssica Pereira caiu na segunda luta para a canadense Christa Deguchi, atual campeã mundial.

Já na categoria 48 quilos, Gabriela Chibana foi eliminada na primeira luta. A brasileira abriu um wazari de vantagem sobre a romena Monica Ungureanu, que tentou o contra-ataque na sequência, por estrangulamento. A adversária reclamou que Gabriela a teria mordido na mão. Os árbitros de vídeo revisaram o lance e desclassificaram a judoca do Brasil. Segundo a CBJ, “posteriormente, a direção de arbitragem admitiu que o hansokumake [penalidade] foi aplicado indevidamente, mas já não era mais possível retornar o combate”.

Neste domingo (28), o Brasil se despede de Tbilisi com Rafael Macedo (até 90 quilos), Leonardo Gonçalves (até 100 quilos), Rafael Silva (acima de 100 quilos), Maria Suellen Altheman e Beatriz Souza (ambas acima de 78 quilos) no tatame.

Internado com Covid-19, Branco apresenta piora e é intubado em UTI

Ex-jogador, tetracampeão do mundo, foi internado na última terça-feira (16)

Por Redação do ge — Rio de Janeiro

19/03/2021 13h13  Atualizado há um dia

Após piora de quadro de Covid-19, o coordenador da seleção brasileira masculina de base, da CBF, Branco, foi intubado na UTI do hospital Copa Star, na zona sul no Rio, na última quinta-feira. O último boletim, divulgado nesta sexta, informa que o ex-jogador está sedado e respira com ajuda de aparelhos de ventilação mecânica.

Branco seleção brasileira CBF — Foto: Bruno Cassucci

O documento também relata que, nas últimas 24 horas, o quadro de Branco se manteve estável, mas não há previsão de quando poderá “respirar por meios próprios”. Ele está sendo monitorado continuamente.

Branco deu entrada no hospital no dia 16 de março, terça-feira, com sintomas de covid e foi internado, em seguida.

Como jogador, Branco foi tetracampeão mundial pela seleção brasileira em 1994, e campeão da Copa América em 1989. Pelo Fluminense, conquistou o título do Campeonato Brasileiro e foi tricampeão carioca nos anos 1980.

Veja a íntegra do Boletim Médico:

“O paciente Claudio Ibraim Vaz Leal, 56 anos, também conhecido como Branco, foi internado no Hospital Copa Star em 16 de março com quadro grave de acometimento pulmonar por Covid 19. Recebeu toda assistência intensiva de suporte respiratório-fisioterápico e medicamentosa, evoluindo ontem com piora clínica, necessitando de ventilação mecânica por aparelhos. No momento, encontra-se em leito de terapia intensiva, sob monitorização contínua, sedado e respirando por aparelhos. O quadro está evoluindo de maneira estável nas últimas 24h e ainda não há previsão de quando vai poder respirar por meios próprios.”

Federação suspende rodada do Paulista e adia decisão de ir à Justiça

Estado vive fase emergencial por alta de casos e mortes por covid-19

Publicado em 18/03/2021 – 15:22 Por Lincoln Chaves – Repórter da Rádio Nacional e da TV Brasil – São Paulo

A quinta rodada do Campeonato Paulista, prevista para o fim de semana, está adiada. A decisão foi anunciada nesta quinta-feira (18) pela Federação Paulista de Futebol (FPF) em nota divulgada após uma reunião virtual da entidade com representantes dos clubes da Série A1 (primeira divisão) e dos sindicatos dos Atletas, dos Árbitros e dos Treinadores.

São Paulo está na Fase Emergencial no combate à pandemia do novo coronavírus (covid-19) desde a última segunda-feira (15). Entre as restrições determinadas pelo governo paulista, atendendo a uma recomendação do Ministério Público Estadual, está a suspensão de eventos esportivos coletivos. A FPF contestou a decisão e se reuniu com o poder público e o MP, apresentando um protocolo sanitário mais rigoroso, mas não teve êxito na tentativa de manter a realização dos jogos durante os 15 dias de vigência da fase.

Na última terça-feira (16), federação e clubes informaram que não descartavam acionar a Justiça para garantir a manutenção do calendário, alegando “falta de argumentos científicos e médicos” que sustentem a paralisação. Segundo o comunicado desta quinta, porém, foi decidido “não ingressar neste momento com Mandado de Segurança”.

A FPF vem tentando levar as partidas para fora de São Paulo e chegou a marcar o duelo entre São Bento e Palmeiras – que seria disputado na última quarta-feira (17) – para o estádio Independência, em Belo Horizonte. O governo mineiro, porém, proibiu a realização de eventos de outros locais e o embate foi suspenso. Conforme a nota, a FPF “permanece em contato com autoridades estaduais, municipais, federações e CBF [Confederação Brasileira de Futebol] para tentar viabilizar a realização dos jogos da próxima semana”.

Nesta quinta-feira, a prefeitura da cidade de São Paulo confirmou a primeira morte de uma pessoa com covid-19 (um jovem de 22 anos, que tinha obesidade e apresentava desconforto respiratório) que não conseguiu ser atendida por falta de vagas em unidades de terapia intensiva (UTIs). Só na capital, de acordo com o secretario estadual da Saúde, Jean Gorinchteyn, 88% dos leitos estão ocupados. No estado, nove em cada dez vagas de UTI estão sendo utilizadas em decorrência da pandemia.

Copa do Brasil: noite de eliminações de equipes gaúchas

Jogando em casa, Esportivo, Santa Cruz e Caxias não resistem

Publicado em 17/03/2021 – 23:35 Por Juliano Justo – Repórter da TV Brasil e da Rádio Nacional – São Paulo

A noite desta quarta-feira (17) foi muito ruim para o futebol gaúcho na Copa do Brasil. Apesar de jogarem em casa, Esportivo, Santa Cruz e Caxias não conseguiram vencer os adversários e ficaram pelo caminho logo na estreia.

Atuando no estádio Centenário, o Caxias perdeu de 1 a 0 para o Fortaleza. O gol do Leão saiu logo aos cinco minutos. O atacante David foi lançado nas costas da zaga gaúcha e não perdeu a oportunidade. Agora, o time do Ceará aguarda na segunda fase o vencedor do duelo entre Penarol, do Amazonas, e Ypiranga, do Rio Grande do Sul. A partida acontecerá na próxima quinta-feira (18), às 20h (horário de Brasília), na Arena Amazônia.

Remo vence na Serra Gaúcha

Mesmo jogando no estádio Montanha dos Vinhedos, em Bento Gonçalves, o Remo derrotou o Esportivo por 2 a 0. A primeira vez que as redes balançaram foi aos 20 minutos da etapa inicial. O meia Felipe Gedoz recebeu bom passe da direita e, da marca do pênalti, colocou os paraenses na frente.

Provando que a noite não era dos gaúchos, o Esportivo teve um pênalti aos 35 minutos. Wesley cobrou forte no canto, mas o goleiro Thiago Rodrigues foi lá e defendeu. Depois, na reta final do jogo, o Remo matou a partida. Aos 41, o atacante Lucas Tocantins mandou para o fundo do gol adversário aproveitando o rebote do goleiro gaúcho. Na próxima fase, o Remo enfrentará o CSA. O mando de campo será dos alagoanos, mas a data do confronto ainda não foi definida. Nesta etapa, quem vencer leva a vaga. Em caso de empate, a decisão vai para os pênaltis.

Joinville empata e segue adiante

Já no estádio dos Plátanos, o Santa Cruz não conseguiu sair do 0 a 0 contra o Joinville. Pelo regulamento, nessa primeira fase, o visitante só é eliminado em caso de derrota. Dessa forma, o time de Santa Catarina garantiu a vaga. Restou ao Santa Cruz ficar com a cota de R$ 560 mil. Além desse valor, o Joinville levou mais R$ 675 mil. Na próxima etapa do torneio, o time do sul do Brasil receberá o Atlético Goianiense.

Corinthians derrota Salgueiro por 3 a 0 e avança na Copa do Brasil

Timão pega o Retrô na próxima fase da competição

Publicado em 18/03/2021 – 00:06 Por Agência Brasil – Rio de Janeiro

O Corinthians foi, na noite desta quarta-feira (17), ao estádio Cornélio de Barros, localizado no interior de Pernambuco, e derrotou o Salgueiro por 3 a 0 para se classificar para a segunda fase da Copa do Brasil.

Agora, o Timão terá pela frente na competição o Retrô, que superou o Brusque também nesta quinta-feira em partida realizada na Arena Pernambuco. A partida, que acontecerá na Neo Química, em São Paulo, acontece entre os dias 7 e 14 de abril.

Classificação tranquila

Mesmo jogando fora de casa, o Corinthians não teve dificuldades de superar a equipe pernambucana. Ainda no primeiro tempo, aos 4 minutos, o time de São Paulo abriu o marcador quando Otero cobrou escanteio, Jô desviou e Jemerson aproveitou para marcar.

Com a vantagem no placar, o Corinthians adotou uma postura mais reativa, correndo poucos riscos e esperando uma oportunidade de ampliar o marcador. Talvez até por esta opção de jogo, o Timão só alcançou o 2 a 0 já na etapa final, aos 11 minutos, com o volante Ramiro.

Porém, o melhor ficou para o final, quando, aos 48 minutos, o meia Mateus Vital fez um belo gol. Após avançar sozinho, se livrou de dois marcadores e bateu colocado para dar números finais ao confronto: Salgueiro 0, Corinthians 3.

Copa América 2021: Conmebol define novo calendário com dez seleções

Brasil estreia contra a Venezuela no dia 14 de junho

Publicado em 15/03/2021 – 12:59 Por Agência Brasil – Rio de Janeiro

Brasil é campeão da Copa América

O novo calendário da Copa América 2021, adiada para este ano em razão da pandemia de covid-19, foi anunciado hoje (15), pela Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol). O torneio ocorrerá de 13 de junho a 10 de julho na Argentina e Colômbia, com apenas dez seleções, após a desistência de Austrália e Catar, países convidados. O Brasil é o atual campeão – a última edição ocorreu em 2019.

O jogo de abertura no dia 13 de junho será entre Argentina e Chile, na capital Buenos Aires. No mesmo dia, Paraguai e Bolívia duelam na cidade argentina de Medonza. 

Já o Brasil estreia no dia seguinte, contra a Venezuela, em Medellín (Colômbia). O escrete nacional disputará todos os jogos da primeira fase na Colômbia, onde também será realizada a final da Copa América, em 14 de julho, na cidade de Barranquilla.  

calendário - Copa América 2021 - tabela
COPA AMÉRICA 2021 – CONMEBOL/DIREITOS RESERVADOS

Na primeira fase da Copa América, as seleções estão divididas em dois grupos, e apenas os dois melhores em cada chave avançam às quartas de final. Para não precisar sair do país, o Brasil precisa terminar em primeiro ou segundo lugar na chave. Se ficar em terceiro ou quarto, fará as quartas de final na Argentina. 

O Brasil soma nove títulos da Copa América. O Uruguai é o maior vencedor, com 15, seguido pela Argentina, com 14. Paraguai, Chile e Peru somam duas taças, enquanto Colômbia e Bolívia ganharam uma. Das seleções sul-americanas, somente Equador e Venezuela nunca venceram o torneio.

Copa do Brasil: Palmeiras e Grêmio decidem último campeão de 2020

Verdão tem a vantagem do empate. Tricolor tem de ganhar por dois gols

Publicado em 07/03/2021 – 07:00 Por Lincoln Chaves – Repórter da Tv Brasil e da Rádio Nacional – São Paulo

O último campeão da temporada 2020 será conhecido neste domingo (7). A partir das 18h (horário de Brasília), Palmeiras e Grêmio fazem o segundo jogo do confronto decisivo da Copa do Brasil no Allianz Parque, em São Paulo. O duelo será transmitido pela Rádio Nacional, com narração de André Marques, comentários de Waldir Luiz, reportagens de Maurício Costa e plantão esportivo de Luiz Ferreira.

Dono de três títulos da Copa do Brasil, o Verdão tem a vantagem do empate por ter vencido o jogo de ida, há uma semana, na Arena gremista, por 1 a 0, com gol do zagueiro Gustavo Gómez. O Tricolor tem de vencer por dois ou mais gols de diferença para chegar, no tempo normal, à sexta taça da competição. Em caso de vitória gaúcha por um gol de saldo, igualando o placar agregado, a decisão será nos pênaltis.

No Palmeiras, o zagueiro Luan, expulso na partida de ida por falta dura cometida no atacante Diego Souza, é o único desfalque. O técnico Abel Ferreira, por sua vez, tem as voltas do volante Patrick de Paula, que se recuperou do novo coronavírus (covid-19), e do zagueiro Benjamin Kuscevic, que tratou uma lesão no quadril. O chileno disputa o lugar deixado por Luan com Alan Empereur.

O provável Verdão neste domingo terá: Weverton, Marcos Rocha, Gustavo Gómez, Alan Empereur (Benjamin Kuscevic) e Matías Viña; Felipe Melo, Zé Rafael e Raphael Veiga; Wesley, Rony e Luiz Adriano.

Do lado gremista, o técnico Renato Portaluppi, que renovou contrato na última sexta-feira (5), não tem o zagueiro Pedro Geromel, contundido. Na partida de ida, Paulo Miranda foi o escolhido para jogar ao lado de Walter Kannemann. Outras dúvidas estão no gol (Paulo Victor ou Vanderlei), na lateral direita (Victor Ferraz ou Vanderson), no meio-campo (Jean Pyerre ou Lucas Silva) e no ataque (Alisson ou Ferreirinha).

O Tricolor deve atuar com: Paulo Victor (Vanderlei); Victor Ferraz (Vanderson), Paulo Miranda, Walter Kannemann e Diogo Barbosa; Maicon, Matheus Henrique e Jean Pyerre (Lucas Silva); Alisson (Ferreirinha), Pepê e Diego Souza.

Campanhas

Tanto Palmeiras quanto Grêmio iniciaram a Copa do Brasil direto nas oitavas de final, por também estarem envolvidos com a Libertadores na temporada 2020. O Verdão passou por Red Bull Bragantino (3 a 1 e 1 a 0), Ceará (3 a 0 e 2 a 2) e América-MG (1 a 1 e 2 a 0). Os gaúchos deixaram para trás Juventude (1 a 0 e 1 a 0), Cuiabá (2 a 1 e 2 a 0) e São Paulo (1 a 0 e 0 a 0). Os principais artilheiros de ambos os times contabilizam quatro gols até o momento: o meia Raphael Veiga, do lado alviverde, e Diego Souza, do lado tricolor.

Fluminense de olho

A final deste domingo interessa diretamente ao Fluminense, que terminou a edição 2020 do Campeonato Brasileiro em quinto. O Tricolor carioca torce pelo título alviverde, que abre uma quinta vaga direta, via Brasileirão, à fase de grupos da próxima Libertadores, já que o Verdão é o atual campeão do torneio sul-americano. Caso dê Grêmio, o clube das Laranjeiras terá que disputar a fase preliminar da competição continental.

Os gaúchos, por sua vez, só se garantem na fase de grupos da Libertadores em caso de título da Copa do Brasil. Como terminaram o Brasileiro em sexto, os gremistas disputarão a fase preliminar se não levantarem a taça no Allianz Parque.

Década de mata-matas

É a quarta vez na década que Palmeiras e Grêmio se enfrentam em confrontos de mata-mata. Em 2012, na campanha do segundo título da Copa do Brasil, o Verdão eliminou o Tricolor nas semifinais ao vencer por 2 a 0 em Porto Alegre (no Olímpico, antiga casa do time gaúcho) e segurar o empate por 1 a 1, na Arena Barueri. Os gremistas deram o troco em 2016, quando foram campeões pela última vez. Nas quartas de final, ganharam por 2 a 1 em casa e empataram por 1 a 1 em São Paulo.

O embate mais recente foi pelas quartas de final da Libertadores de 2019. O Palmeiras venceu na Arena do Grêmio por 1 a 0. No Pacaembu, na capital paulista, o Tricolor ganhou por 2 a 1 e levou a vaga pelo critério dos gols marcados fora de casa.

Apesar do histórico recente em duelos eliminatórios ser positivo aos gaúchos, o retrospecto do confronto é favorável aos paulistas. Em 100 partidas, são 42 vitórias do Verdão contra 21 do Tricolor e 37 empates, com 142 gols alviverdes e 104 gremistas.