Vídeo: mulher aplica “mata-leão” em ladrão após assalto; criminoso chora

Uma moradora de Praia Grande, no litoral de SP, lutadora de jiu-jitsu,  surpreendeu  um menor de idade  aplicando um golpe “mata-leão”.  Segundo o  G1, o jovem chegou a chorar enquanto era imobilizado.

Vídeo: mulher aplica “mata-leão” em ladrão após assalto; criminoso chora

Reprodução/ YouTube

Da Redação Istoé

Segundo o delegado responsável, Alexandre Comin, a vítima relatou em depoimento que caminhava no bairro quando o suspeito roubou o celular da mulher e tentou fugir. Em seguida, ela foi atrás junto com o marido, que estava próximo, e conseguiu imobilizar o suspeito até a chegada da polícia.

Em Mossoró, 800 militares do Exército fazem operação para garantir transferência de presos para penitenciária federal

 

Militares do Exército devem ficar em Mossoró até o dia 27 — Foto: Inter TV Costa BrancaMilitares do Exército devem ficar em Mossoró até o dia 27 — Foto: Inter TV Costa Branca
Militares do Exército devem ficar em Mossoró até o dia 27 — Foto: Inter TV Costa Branca

Oitocentos militares do Exército brasileiro realizam nesta quarta-feira (13) uma operação para garantir a segurança durante a transferência de detentos de um presídio em Presidente Venceslau, no interior de São Paulo, para a Penitenciária Federal de Mossoró, na região Oeste potiguar.

A chegada ao Rio Grande do Norte deve acontecer ainda nesta tarde. Contudo, ainda não sabe quantos virão nem quem são os presos. A operação foi batizada de ‘Tranca Forte’.

Os militares devem permanecer em Mossoró até o dia 27, segundo publicação feita no Diário Oficial da União na edição desta quarta. O decreto, assinado pelo presidente Jair Bolsonaro, também prevê reforço de tropas federais para a Penitenciária Federal de Porto Velho, em Rondônia.

A transferência de integrantes do PCC ocorre após o governo de São Paulo ter descoberto um plano de fuga para os chefes e ameaças de morte ao promotor que combate a facção no interior de São Paulo. A facção atua dentro e fora dos presídios brasileiros e internacionalmente.

SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.