Suspeito de participar do assassinato de Marielle Franco é morto na Bahia

Publicado em: 09/02/2020 12:15

O ex-policial militar Adriano Magalhães da Nóbrega morreu, no interior da Bahia, neste domingo (9). Conhecido como “capitão adriano”, ele foi morto em uma troca de tiros com a polícia na cidade de Esplanada. Adriano estava foragido desde janeiro de 2019. Ele é apontado como chefe do “Escritório do Crime”, milícia suspeita de ter participado da morte da vereadora do Rio de Janeiro Marielle Franco (Psol) e do motorista Anderson Gomes. O crime ocorreu em março de 2018. 


Adriano chegou a trabalhar no 18º Batalhão da Polícia Militar do Rio de Janeiro com Fabrício Queiroz, o ex-assessor do gabinete de Flábio Bolsonaro investigado por lavagem de dinheiro na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj). Tanto a mão quanto a filha do ex-policial assassinado chegaram a trabalhar no gabinete do filho de Jair Bolsonaro e teriam sido contratadas pelo próprio Queiroz. 

Adriano teria envolvimento com crimes como grilagem de terras; compra, venda e aluguel irregular de imóveis; cobranças irregulares de taxas; e extersão e receptação de mercadoria roubada. 

Informações diário de Pernambuco

Coronel da PM é morto a tiros durante assalto em Natal

Crime aconteceu na tarde deste sábado (28) no Centro da capital potiguar. Um dos suspeitos foi morto em troca de tiros com a PM poucas horas depois do assalto.

Por Fernanda Zuali e Julianne Barreto, G1 RN INTER TV CABUGI – 28 de dezembro de 2019 18:44

Coronel da PM foi baleado e morreu durante um assalto em uma loja no Centro de Natal

Julianne Barreto/Inter TV Cabugi

Um coronel da reserva da Polícia Militar do Rio Grande do Norte foi morto a tiros durante um assalto a uma loja de roupas, na tarde deste sábado (28), no Centro de Natal. De acordo com a PM, o coronel Francildo de Souza Nunes levou três tiros no peito e morreu no local.

O policial estava em uma loja de roupas acompanhado da esposa que fazia compras. Pelo menos dois criminosos participaram do assalto. Um deles entrou na loja e anunciou o assalto. Ele levou os clientes para um dos provadores, incluindo o coronel.

Foi dentro desse provador que o policial foi baleado. Segundo a Polícia Militar, o coronel reagiu ao assalto. Ainda segundo a PM, ele levou três tiros no peito. Outro criminoso ficou na porta da loja impedindo que os clientes saíssem.

Após os tiros no coronel, os bandidos roubaram o carro de um homem que passava pelo local e fugiram. O motorista deste carro foi baleado no ombro, mas foi socorrido em seguida e passa bem.

Um dos suspeitos usava tornozeleira eletrônica, o que possibilitou que a polícia o encontrasse em Macaíba, na Grande Natal, poucas horas após o assalto. Na abordagem houve troca de tiros, o suspeito foi baleado e morreu a caminho do hospital.

Em nota, a Polícia Militar lamentou a morte do coronel. “O coronel Nunes foi vítima de homicídio em uma loja de departamentos no Centro da cidade de Natal, ao tentar reagir a um assalto em andamento. Nosso Coronel durante mais de 30 anos de efetivo serviço sempre pautou sua conduta nos ditames da honra e coragem”, diz a nota.

Confira a nota na íntegra:

“É com profundo pesar que comunicamos o falecimento do Coronel PM da reserva remunerada Francildo de Souza Nunes. O Coronel Nunes foi vítima de homicídio em uma loja de departamentos no Centro da cidade de Natal, ao tentar reagir a um assalto em andamento. Nosso Coronel durante mais de 30 anos de efetivo serviço sempre pautou sua conduta nos ditames da honra e coragem. Coronel Nunes tombou em combate e sempre será lembrado por todos que ostentam o brasão da PMRN e bandeira do Rio Grande do Norte”.

Homem é morto a tiros em saída de shopping de Natal

Caso aconteceu na manhã desta quarta-feira (11), na Zona Sul da capital potiguar.

Por G1 RN – 11 de dezembro de 2019 às 11h14

Viaturas do Samu foram ao local para prestar socorro às vítimas

Dois homens foram baleados na manhã desta quarta-feira (11), na saída do estacionamento do Natal Shopping, em Candelária, Zona Sul de Natal. Um deles morreu no local.

De acordo a Polícia Militar, os dois homens saíam do estacionamento do Natal Shopping em um Classic quando foram trancados por outro veículo. O motorista do outro carro atirou pelo menos sete vezes.

O motorista do Classic foi socorrido com vida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). O passageiro do carro morreu no local. A motivação do crime ainda é desconhecida.

Modelo que participou de clipe da Anitta é baleado e morre no Rio

Rodrigo Motta foi levado ao Hospital Municipal Miguel Couto também com fraturas nos braços. Não há informações sobre motivações para o caso

Lucas Ferreira, do R7*

10/12/2019 às 14h03 (Atualizado em 11/12/2019 às 08h08)

Rodrigo ficou conhecido após fazer participação em clipe da cantora Anitta. Reprodução/YouTube

O modelo Rodrigo Motta morreu na manhã da última segunda-feira (9) após ser encontrado com sinais de espancamento, no morro do Vidigal, zona sul do Rio de Janeiro.

Segundo testemunhas, Rodrigo estava inconsciente e com fraturas nos dois braços, além de tiros na perna. Ele foi levado para o Hospital Municipal Miguel Couto, na Gávea, também na zona sul da cidade, mas não resistiu aos ferimentos.

Não há informações sobre as motivações que teriam levado Rodrigo a ser torturado e abandonado em uma rua da comunidade, onde morava e trabalhava em um bar famoso.

Rodrigo ficou conhecido após aparecer no clipe “Vai Malandra” da cantora Anitta. Ele é o modelo de sunga que passa bronzeador em mulheres deitadas em uma laje, também no morro do Vidigal. Nas redes sociais, Anitta lamentou a morte do rapaz e disse estar “estarrecida”.

Segundo a Polícia Militar, não há informações sobre o caso até o momento de publicação desta matéria. A Polícia Civil informou que a DH-Capital (Delegacia de Homicídios) investigará o caso e está em busca de testemunhas para solucionar o caso.

*Estagiário do R7, sob supervisão de PH Rosa

Criminosos invadem bar, rendem clientes e matam dois homens a tiros na Grande Natal

Crime aconteceu na noite deste sábado (7) em Macaíba. Segundo familiares, vítimas não tinham inimizades nem sofriam ameaças.

Por Rafael Lopes e Igor Jácome, Inter TV Cabugi e G1 RN

08/12/2019 12h09  Atualizado há 9 horas


Sede do Itep - Instituto Técnico-Científico de Perícia do Rio Grande do Norte — Foto: Rafael Lopes/Inter TV Cabugi
Sede do Itep – Instituto Técnico-Científico de Perícia do Rio Grande do Norte — Foto: Rafael Lopes/Inter TV Cabugi

Criminosos invadiram um bar, renderam as pessoas que estavam no local e mataram dois clientes a tiros, na noite deste sábado (7). O caso aconteceu em Macaíba, na região metropolitana de Natal.

As informações são de familiares das vítimas, que foram até o Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep) na manhã deste domingo (8) para identificar e liberar os corpos. A mesma versão foi contada pelas duas famílias.

Os homens foram identificadas como José Ricardo Gouveia, de 38 anos, que era vigilante, e Julian Cezar Santos de Paiva, de 28 anos, que estava desempregado.

Segundo os familiares, os dois estavam em um bar na rua Antônio Lacerda Leite, no Loteamento Esperança, quando homens chegaram ao local e renderam as pessoas no estabelecimento, mandando todos ficarem de mãos para cima. Em seguida, atiraram nas vítimas, que eram amigos, e fugiram sem levar nada.

Ainda segundo os familiares, os dois homens não relatavam inimizades, ou sofriam ameaças, nem tinham passagem pela polícia.

G1 procurou o 11º Batalhão da Polícia Militar na manhã deste domingo (8), para ter a versão oficial sobre o crime, mas o chefe de operações informou que não estava em posse do relatório da noite. A reportagem também procurou a assessoria da corporação, mas não teve retorno.

Polícia Civil procura suspeito de atirar e matar amigo em confraternização no RN

A Polícia Civil do Rio Grande do Norte está a procura da pessoa de Ailton Berto da Silva, 50 anos, ele é acusado de balear três pessoas durante festa de confraternização na Praia de Santa Rita, em Extremoz. Dor, tristeza e um sentimento de incredulidade marcaram o sepultamento de Fantone Maia, 41 anos, na manhã desta segunda-feira (02/12). Enquanto ocorria o enterro, a polícia continuava à procura do autor dos disparos e os amigos tentavam entender o que ocorreu na festa de confraternização. . .
.
De acordo com a polícia, Ailton Berto da Silva, 50 anos, é suspeito de balear três pessoas durante festa de confraternização na Praia de Santa Rita, Extremoz, Região Metropolitana de Natal, na noite de sábado (30). O que era para ser um momento de lazer e celebração para um clube de jipes, terminou com a morte de Fantone Maia e com outros dois integrantes do clube feridos. Marques Artur Macedo de Lima Cosme, 38 anos, continua internado em estado grave no Hospital Santa Catarina, Zona Norte da Capital, e Ivo Bruno, 35 anos, também está internado em observação no Hospital Walfredo Gurgel.
.
Equipes da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) estão em diligências em busca do suspeito. Os amigos que participavam da festa ainda estão sem compreender o que houve. “Eu espero que tenha sido um acesso de loucura, porque a amizade de todos é de mais de 15 anos. Ir armado para uma festa e sair dando tiro sem parar? Só pode ter enlouquecido”, disse Celso Roberto Suricato. . .
.
Testemunhas relataram que a festa começou na tarde de sábado e iria prosseguir até a manhã do domingo, mas à noite houve uma discussão. “Fantone morreu tentando apartar a briga. Era uma pessoa maravilhosa. Tentei salvá-lo até o último momento. Ele lutou muito até chegar no hospital, mas não resistiu”, contou o amigo que prestou socorro, Walter Nóbrega. Segundo testemunhas, o suspeito estava visivelmente embriagado. Viaturas da Polícia Militar fizeram diligências na região na noite do crime, mas não conseguiram localizá-lo.

Informações: na ficha da polícia

Caso Karol: motorista suspeito de matar adolescente do RN é preso

Polícia Civil da Paraíba prendeu homem na noite de sábado (31) no município de Custódia, Sertão de Pernambuco e apresentará detalhes nesta segunda-feira (2)

setembro 1, 2019 às 21:58 – Por: Marline Negreiros – OP9

Motorista de caminhão baú procurado pela polícia foi preso em Pernambuco como principal suspeito de matar Karol. Foto: Polícia Civil PB/Redes Sociais
Motorista de caminhão procurado foi preso em Pernambuco como principal suspeito de matar Karol. Foto: Polícia Civil PB/Redes Sociais

“Está preso o motorista do caminhão baú, autor da morte de Karol”. A informação é do delegado Tiago Cavalcanti, chefe do Núcleo de Homicídios da Paraíba. A Polícia Civil da Paraíba com apoio da Polícia Rodoviária Federal prendeu na noite de sábado (31) o suspeito de matar a adolescente potiguar Karolina Oliveira Gomes.

O motorista de um caminhão baú flagrado por câmeras de segurança conversando com Karol foi detido no município de Custódia, na BR-232, Sertão de Pernambuco. O delegado explicou que o nome do suspeito e informações completas sobre a investigação serão repassadas em coletiva de imprensa na manhã de segunda-feira (2), na Central de Polícia Civil de João Pessoa (PB).

Leia também:
Caso Karol: polícia prende dois suspeitos com o celular da vítimaCaso Karol: laudo aponta perfurações no peito e no pescoçoPolícia busca veículo visto na Paraíba na noite que Karol desapareceu“Temos a imagem de quem conversou com Karol”, diz delegadoVídeo mostra última imagem de Karol. Enterro provoca comoção
Caso Karol: investigação aponta para participação de dois suspeitosAdolescente potiguar é encontrada morta e despida em mata na PB
“Ela não tinha inimizades”, diz pai de garota encontrada morta na PB

Karolina Oliveira, 16 anos, saiu de casa no bairro Sapucaia, em Goianinha, Região Metropolitana de Natal (RN), na noite do dia 5 de agosto para ir até uma lan houve imprimir um trabalho da escola e não voltou mais. A polícia encontrou o corpo da garota despido e com marcas de facadas em um canavial no município de Mamanguape (PB), na rodovia que dá acesso à cidade de Capim.

Perfurações no tórax e pescoço. Lesões pulmonares, cardíacas e vasculares. Essa descrição faz parte da causa da morte registrada no atestado de óbito da adolescente.

Karolina Oliveira foi encontrada morta despida em canavial no município de Mamanguape (PB). Foto: Cedida
Karolina Oliveira foi encontrada morta despida em canavial no município de Mamanguape (PB). Foto: Cedida

O motorista de um caminhão baú foi filmado por câmeras de vigilância de estabelecimentos comerciais às margens da BR-101, em Goianinha, na noite em que Karol desapareceu. Imagens captadas mostraram o suspeito conversando com a adolescente. Desde então, esse homem flagrado pelas câmeras era procurado pela polícia.

Na quinta-feira (29), dois homens foram presos em Recife (PE) com o aparelho celular da vítima. A Polícia Civil da Paraíba, em conjunto com o Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) do Recife (PE), cumpriu os mandados de prisão temporária da Comarca de Mamanguape contra Carlos Henrique Carvalho Batista e Luciano Rodrigues da Silva. Eles negaram participação no crime, mas disseram de quem tinham recebido o celular.

Com base nessa informação a polícia seguiu em busca da pessoa que teria supostamente repassado o aparelho e acabou chegando ao suspeito preso no sábado. Ele nega as acusações, mas se contradiz em algumas respostas. A polícia da Paraíba acredita que o suspeito seja realmente o responsável pela morte da garota.

Dois homens são mortos em estrada de terra em São Gonçalo do Amarante, RN

Crime aconteceu no distrito de Santo Antônio dos Barreiros na tarde deste sábado (17).

Por G1 RN

18/08/2019 11h43  Atualizado há 5 horas


Sandero que estava com Eliedson foi levado pelos criminosos. Pouco tempo depois, carro foi encontrado abandonado — Foto: PMRN/Divulgação
Sandero que estava com Eliedson foi levado pelos criminosos. Pouco tempo depois, carro foi encontrado abandonado — Foto: PMRN/Divulgação

Dois homens foram encontrados mortos com marcas de tiros na tarde deste sábado (17) em uma estrada de terra no loteamento Novo Horizonte, que fica no distrito de Santo Antônio dos Barreiros, em São Gonçalo do Amarante, município da Grande Natal.

As vítimas foram identificadas como Eliedson Carlos Soares, de 35 anos, e Erivan de Lima Brilhante, de 38. Ainda não há pistas dos assassinos nem informações sobre a motivação do crime.

De acordo com a Polícia Civil, no momento do duplo homicídio, um Renault Sandero, que estava com Eliedson, foi levado pelos criminosos. Pouco tempo depois, no entanto, o carro foi encontrado abandonado em um outro loteamento, chamado Nova Zelândia, na mesma região.

Professora morre e marido fica em estado grave após serem baleados durante assalto em granja no RN

Crime aconteceu por volta das 20h desta segunda-feira (29) em uma granja na zona rural de Pedro Velho

Por Ronaldo Costa Josino 30/07/2019 – 11:58 hs

Professora morre e marido fica em estado grave após serem baleados durante assalto em granja no RN

Do G1 – Uma mulher morreu e o marido dela ficou ferido depois de serem baleados em um assalto que aconteceu em uma granja na cidade de Pedro Velho, distante aproximadamente 80 quilômetros de Natal. A professora Ana Télia Ambrósio Soares, de 47 anos, chegou a ser socorrida ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos. O marido dela está internado em situação grave. O crime aconteceu por volta das 20h desta segunda-feira (29).

De acordo com a polícia, pelo menos quatro criminosos participaram da ação. Armados, eles invadiram a casa do casal no Sítio Porteiras, na zona rural da cidade, e iniciaram o assalto. Durante o roubo, os homens atiraram no casal.

Segundo a polícia, os bandidos fugiram em seguida, levando uma televisão, três celulares e duas espingardas de caça do marido de Ana Tecia. A professora morava em Pedro Velho desde a infância. Ela ensinava na escola municipal da cidade e também em outra em Canguaretama.

O hospital que recebeu o casal ficou cheio de moradores de Pedro Velho na frente, que buscavam por informações do estado de saúde dos dois. O marido de Ana Télia Soares foi transferido para o Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel, em Natal.

A Polícia Militar realizou buscas na região em que aconteceu o crime na tentativa de encontrar os assaltantes, no entanto ninguém foi preso.

Mulher morreu e marido ficou em estado grave após serem baleados durante o assalto em Pedro Velho — Foto: Acson Freitas/Inter TV Cabugi
Mulher morreu e marido ficou em estado grave após serem baleados durante o assalto em Pedro Velho — Foto: Acson Freitas/Inter TV Cabugi

Mulher é encontrada morta dentro de motel na Grande Natal

Crime aconteceu na tarde desta terça-feira (16), no Motel Dois Corações, e a polícia prendeu um homem suspeito do assassinato.

Por G1 RN

16/07/2019 18h29  Atualizado há 2 horas


Mulher foi encontrada morta dentro do Motel Dois Corações, em São Gonçalo do Amarante — Foto: Google
Mulher foi encontrada morta dentro do Motel Dois Corações, em São Gonçalo do Amarante — Foto: Google

Uma mulher foi morta dentro de um quarto de motel em São Gonçalo do Amarante, na Grande Natal. O crime aconteceu na tarde desta terça-feira (16), no Motel Dois Corações, e a polícia prendeu um homem suspeito do assassinato.

De acordo com a Polícia Civil, a vítima foi morta enforcada com um fio de eletricidade e também esfaqueada. Ainda segundo a polícia, o homem preso mantinha um relacionamento casual com a vítima.