Pequim detecta casos de covid-19 em equipe das Olimpíada de Inverno

Nenhum atleta está contaminado

Publicado em 23/01/2022 – 16:53 Por Tony Munroe* – Pequim

Os organizadores da Olimpíada de Inverno de Pequim afirmaram neste domingo que confirmaram 72 casos de Covid-19 entre as 2.586 pessoas envolvidas com os Jogos que chegaram à China entre 4 e 22 de janeiro, com nenhum caso entre os 171 atletas e autoridades das equipes que vieram naquele período.

As últimas preparações estão em andamento para os Jogos de Inverno, durante um surto global de casos da altamente infecciosa variante Ômicron do coronavírus. Os Jogos estão programados para serem realizados entre 4 e 20 de fevereiro, dentro de uma bolha fechada que separa todos as pessoas envolvidas com o evento do público.

Dos casos confirmados, 39 foram descobertos em testes no aeroporto e 33 dentro da bolha, afirmaram organizadores. Participantes da bolha estão sujeitos a testes diários, com 336.421 testes PCR tendo sido administrados entre 4 e 22 de janeiro.

Brian McCloskey, presidente do painel médico de especialistas de Pequim 2022, disse que o número é consistente com os dos Jogos de Tóquio no ano passado e está em linha com as expectativas.

“Nunca estabelecemos uma meta de zero casos dentro da bolha”, disse, em uma entrevista coletiva online no domingo.

Ajude nosso blog a continuar independente, faz um pix 016.561.084.02

Em 24 horas, Brasil registrou mais 135.080 casos de covid-19

Total de óbitos chegou a 296 no mesmo período

Publicado em 23/01/2022 – 18:52 Por Agência Brasil – Brasília

Movimentação de pessoas no centro da cidade no primeiro dia de flexibilização do uso de máscaras ao ar livre no Estado do Rio de Janeiro.

Em 24 horas, o Brasil registrou mais 135.080 casos de covid-19. Desde o início da pandemia, o país  tem 24.044.255 casos de covid-19 acumulados.

Ainda há 1.571.613 casos em acompanhamento, de pessoas que tiveram o quadro de covid-19 confirmado.

Os dados compilados pelas secretarias e pelo Ministério da Saúde apontam 623.097 mortes em decorrência de complicações da covid-19. Em 24 horas, foram confirmados 296 óbitos.

No total, foram 21.849.545 pessoas recuperadas, o que representa 90,9% dos casos.

Os dados estão no balanço divulgado neste domingo (23) pelo Ministério da Saúde. A atualização reúne informações sobre casos e mortes enviadas pelas secretarias estaduais de Saúde.

Estados

Segundo o balanço, o estado com maior número de mortes por covid-19 é São Paulo (156.493), seguido por Rio de Janeiro (69.677), Minas Gerais (56.962), Paraná (40.988) e Rio Grande do Sul (36.640).

Os estados com menos óbitos resultantes da pandemia de covid-19 são Acre (1.857), Amapá (2.036), Roraima (2.086), Tocantins (3.983) e Sergipe (6.074).

Boletim Epidemiológico
Boletim Epidemiológico – 23/01/2022/Divulgação/ Ministério da Saúde

Ajude nosso blog a continuar independente, faz um pix 016.561.084.02

Previdência Social inicia 2022 com desafio de zerar filas

INSS encerrou 2021 com 1,8 milhão de pedidos de benefícios em análise

Publicado em 23/01/2022 – 15:14 Por Wellton Máximo – Repórter da Agência Brasil – Brasília

Instituto Nacional do Seguro Social (INSS)

A Previdência Social iniciou 2022 com o desafio de zerar as filas. No fim do ano passado, cerca de 1,8 milhão de brasileiros estava com pedidos de aposentadorias, pensões e auxílios em análise. A falta de servidores públicos para analisar os processos e a paralisação parcial de perícias médicas provocadas pela pandemia são os principais fatores.

Segundo levantamento recente do Instituto Brasileiro de Direitos Previdenciários (IBDP), 1.838.459 pedidos de benefícios aguardavam uma resposta em dezembro. A organização civil sem fins lucrativos obteve as respostas por meio de requerimento ao INSS.

Do total de pedidos em análise, cerca de 500 mil dizem respeito ao Benefício de Prestação Continuada (BPC) a pessoas com deficiência. Em relação às perícias médicas, o INSS informou ao IDBP que 457,8 mil segurados tinham consulta agendada em dezembro.

Por meio de um acordo homologado com o Supremo Tribunal Federal (STF), o INSS comprometeu-se a analisar os processos no prazo máximo de 30 a 90 dias, dependendo do tipo de benefício pedido, e a fazer as perícias médicas e de assistência social em até 45 dias, podendo chegar a 90 dias nos locais de difícil acesso. No fim de 2021, cerca de 900 mil processos estavam dentro do prazo e 900 mil com atraso em relação ao fixado pelo Supremo.

Ao assumir o cargo, em novembro, o presidente do INSS, José Carlos Oliveira, prometeu zerar a fila até julho deste ano. A promessa, no entanto, é ambiciosa.

Considerando o estoque de cerca de 900 mil processos em atraso, o INSS precisará analisar 131 mil pedidos extras por mês para eliminar a fila. Atualmente, o órgão recebe, em média, 800 mil pedidos por mês – entre entradas de benefícios, perícias e agendamentos – e processa cerca de 700 mil.

Histórico

O estoque de processos em análise estava em 2,3 milhões no fim de 2019. A fila caiu para 1,5 milhão em 2020, mas voltou a subir em 2021. Em resposta ao IBDP, o INSS informou que está implementando uma série de medidas para acelerar a análise dos processos, como investimento em automação, capacitação de funcionários e remanejamento de servidores de outras áreas para analisar os benefícios, elevando em 22% a capacidade de produção.

Segundo o INSS, 25% da fila deve-se à falta da apresentação de documentos pelos segurados. Em relação às perícias médicas, o órgão informou que havia conseguido diminuir em cerca de 300 mil o total de pessoas esperando consultas desde março do ano passado. Naquele mês, a lista de perícias agendadas estava em 764,2 mil.

Pandemia

O surgimento da variante Ômicron do novo coronavírus representou um obstáculo para zerar a fila das perícias. Há cerca de dez dias, o INSS suspendeu as perícias do Programa de Revisão dos Benefícios por Incapacidade, antigo auxílio-doença. As consultas suspensas foram remarcadas para o segundo semestre, e nenhum segurado deixará de receber o benefício, que continuará a ser pago normalmente até a revisão.

Paralelamente, o INSS tenta investir na telemedicina para manter o fluxo de perícias. O órgão editou uma portaria que autoriza consultas por videoconferência em dez municípios: Francisco Morato (SP), Minas Novas (MG), Vassouras (RJ), Santo Augusto (RS), Olhos D’Água das Flores (AL), Corrente (PI), Pedro Gomes (MS), Ji Paraná (RO), Lábrea (AM) e Botas de Macaúbas (BA). A experiência-piloto terá prazo de 90 dias.

Ajude nosso blog a continuar independente, faz um pix 016.561.084.02

A Cruz Milagrosa: Um sonho dos religiosos abandonado pela gestão do prefeito Alexandre Sobrinho (MDB)

O tão sonhado projeto da Cruz Milagrosa pelos religiosos e pelo ex-deputado José Adécio, com objetivo de trazer para Pedro Avelino/RN, o turismo religioso através dos romeiros e alavancar a economia do município parou pela metade.

A obra da “Cruz Milagros”, é um projeto ousado e moderno. A força política do ex-deputado José Adécio, junto ao ex-senador José Agripino (época) destinou recursos na ordem de R$ 1.500.000. 00 milhão e meio de reais para execução.

Infelizmente a única obra que foi executada até agora foi o calçamento que liga avenida Joaquim Inácio Câmara até a Cruz Milagrosa e totalmente diferente do projeto original.

O Projeto arquitetônico da Cruz Milagrosa foi encaminhado ao Ministério do Turismo (Brasília/DF (16 pranchas e detalhes) constando de: 02 pistas de rolamento (mão e contra mão); 02 faixas de pedestres, canteiro central arborizado e iluminação; cantina; WCs masculino e feminino ; estacionamento; cruz vazada; anfiteatro e uma bela capela.

Os recursos destinados às obras da Cruz Milagrosa no valor de R$ 1.500.000,00 (um milhão e quinhentos mil reais), consta do orçamento geral da união (OGU) e foram empenhados pelo Ministério do Turismo conforme espelho da nota de empenho.

A Emenda parlamentar impositiva, é do deputado federal Felipe Maia, valor R$ 500.000,00 ofício número 25/2018 – gabinete senador José Agripino Maia Brasília/DF 22 de fevereiro de 2018. A emenda parlamentar impositiva do senador José Agripino, no valor R$ 1.000.000,00 conforme ofício número 30/2018 Brasília/DF 04 de julho de 2018.

Ajude nosso blog a continuar independente, faz um pix 016.561.084.02

Sem dados de DF, MT e SP, média de casos de Covid bate novo recorde

O Brasil registrou 238 novas mortes por Covid e 157.393 novos casos da doença nas últimas 24 horas. Média de infecções foi a 133.350

Nas últimas 24 horas, o Brasil registrou novo recorde na média móvel de infectados pela Covid. O indicador chegou a 133.350 casos diários, aumento de 348% em comparação ao verificado há 14 dias.

O número pode ser ainda maior, já que o balanço não incluiu os números de Distrito Federal, Mato Grosso e São Paulo.

Nas últimas 24 horas, o Brasil registrou 157.393 casos confirmados para a Covid. O número é menor que o registrado na sexta-feira (21/1), quando 166.539 casos novos foram notificados.

A média móvel de mortes diárias também aumentou, e foi a 261. Em comparação com o verificado há duas semanas, houve variação de 115%. Nas últimas 24 horas, foram 238 mortes notificadas.

Os dados são do mais recente balanço divulgado pelo Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass).

No total, o Brasil já perdeu 622.801 vidas para a doença e computou 23.909.175 casos de contaminação.

Confira, no gráfico a seguir, o histórico da pandemia no país:

Devido ao tempo de incubação do novo coronavírus, adotou-se a recomendação de especialistas para que a média móvel do dia seja comparada à de duas semanas atrás.

Variações na quantidade de mortes ou de casos de até 15%, para mais ou para menos, não são significativas em relação à evolução da pandemia. Já percentuais acima ou abaixo devem ser encarados como tendência de crescimento ou de queda.

Os cálculos são feitos pelo (M)Dados, núcleo de análise de grande volume de informações do Metrópoles.

Média móvel

Acompanhar o avanço da pandemia de Covid com base em dados absolutos de morte ou de casos está longe do ideal. Isso porque eles podem apresentar variações diárias muito grandes, principalmente atrasos nos registros. Nos fins de semana, por exemplo, é comum perceber redução significativa dos números.

Para reduzir esse efeito e produzir uma visão mais fiel do cenário, a média móvel é amplamente utilizada ao redor do mundo. A taxa, então, representa a soma das mortes divulgadas em uma semana dividida por sete.

O nome “móvel” é porque varia conforme o total de óbitos dos sete dias anteriores.

Ajude nosso blog a continuar independente, faz um pix 016.561.084.02

Álvaro articula chapa com Carlos Eduardo para o governo, Benes vice e Rogério para o Senado

Álvaro Dias foi sincero que fica na Prefeitura do Natal até dezembro de 2024, quando encerra seu mandato

O prefeito de Natal, Álvaro Dias (PSDB), foi encarregado pelo ministro Rogério Marinho (PL) de fazer as últimas articulações para fechar a chapa da oposição a governadora Fátima Bezerra (PT). Uma conversa com o ex-prefeito Carlos Eduardo Alves (PDT), aconteceu nos últimos dias nas varandas da Praia de Tabatinga, onde Álvaro tem residência de veraneio.

Álvaro Dias foi sincero que fica na Prefeitura do Natal até dezembro de 2024, quando encerra seu mandato. O objetivo do prefeito hoje é fazer do filho, Adjuto Dias (MDB), deputado estadual e não repetir o erro político de 2018, quando Adjuto teve pouco mais de 28 mil votos, e ficou na primeira suplência. Com a ajuda do publicitário Alexandre Macedo, que cuidou das últimas campanhas de Carlos Eduardo (2016/2018) e também da reeleição de Álvaro, que venceu no 1º Turno, o convencimento foi iniciado.

Mesmo o PDT, onde nesta sexta-feira 21, Carlos Eduardo repercutiu a Convenção Nacional que lançou oficialmente a postulação de Ciro Gomes a presidência da República, o ex-prefeito vem sendo incentivado a disputar o Governo do Estado, pela terceira vez. Carlos já concorreu em 2010 e 2018, e perdeu em todas as vezes. “Essa missão de Álvaro Dias é para ser encerrada até fevereiro. Por isso que Carlos Eduardo anda analisando o quadro”, revelou uma fonte que acompanha as conversas.

Mesmo criticando o Governo Bolsonaro, já que é do PDT e faz oposição, Carlos Eduardo vem condicionando a possibilidade de concorrer a governador, sem usar palanque para Bolsonaro no Rio Grande do Norte, onde tem índices de rejeição e desaprovação maiores que o da governadora Fátima Bezerra (PT). O publicitário Alexandre Macedo também já defendeu a tese de não envolver a polarização nacional na disputa local, pois assim o PT iria rotular Carlos Eduardo de “candidato bolsonarista”.

Caso as articulações de Álvaro Dias caminhem para o sucesso, Carlos Eduardo seria alçado candidato ao Governo, tendo o deputado federal Benes Leocádio (Republicanos) de vice. Ele é visto como um articulador no interior, onde Carlos Eduardo não tem grupos. O ex-deputado Henrique Eduardo Alves (MDB) também estaria ajudando o prefeito de Natal nas articulações, de olho em bases de Benes, que já foi seu assessor e coordenador da última campanha de Henrique, em 2014.

Caberia ao ministro Rogério Marinho (PL) a vaga de senador, caso decolasse até março, quando pela legislação teria que deixar o Governo Bolsonaro. Mas, Rogério discorda da tese que o palanque não podia fazer campanha para Bolsonaro, mesmo com o PL na chapa majoritária. O próprio Carlos Eduardo ficaria no PDT ou assinava a ficha de um partido de centro-direita. Tudo ainda nas bases das conversas.

Álvaro articula chapa com Carlos Eduardo para o governo, Benes vice e Rogério para o Senado | https://agorarn.com.br/ultimas/alvaro-articula-chapa-com-carlos-eduardo-para-o-governo-benes-vice-e-rogerio-para-o-senado/

Agora RN

Ajude nosso blog a continuar independente, faz um pix 016.561.084.02

Brasileiro é vice-campeão mundial paralímpico na Noruega

O atleta Cristian Ribera faturou, na manhã deste sábado (22), em Lillehammer, na Noruega, a medalha de prata no Campeonato Mundial Paralímpico de Esportes na Neve. Ribeira ficou com a medalha na prova do sprint do paraesqui cross country, com o tempo de 2 minutos, 24 segundos e 93 centésimos.

Ribeira, nascido com artrogripose, doença congênita das articulações das extremidades, é um dos seis atletas que representarão o Brasil nos Jogos Paralímpicos de Inverno em Pequim, de 4 a 13 de março deste ano.

Na decisão, com o tempo de 2 minutos, 41 segundos e 5 décimos, Ribeira só ficou atrás do russo Ivan Golubov, com 2 minutos, 40 segundos e 5 décimos. Na terça-feira (18), o atleta já havia sido o sexto colocado na prova de longa distância (18 km), com a marca de 52 minutos, 37 segundos e 4 décimos.

Na semifinal, ele também foi o melhor da bateria com 2 minutos e 44 segundos.

Agência Brasil

Ajude nosso blog a continuar independente, faz um pix 016.561.084.02

Famoso DJ brasileiro será processado por usar músicas de produtores sem dar crédito

O Advogado Eduardo Senna, representante do duo Sevenn, afirmou que eles vão entrar com uma ação contra Alok pelo uso sem crédito nem pagamento de 15 músicas do DJ. Eles dizem que eram “produtores fantasmas” e que Alok lucrou com o trabalho deles “sem oferecer nada em troca”.

Divulgação

O advogado também disse que Alok tentou impor uma cláusula de silêncio, que previa multa de R$ 2 milhões a cada vez que o duo falasse mal do DJ publicamente (ou o inverso, que o DJ falasse do duo), para evitar que a denúncia viesse a público.

Alok nega as acusações. Robson Cunha, advogado do DJ, disse que o ele está sendo ameaçado pela dupla, e que foram eles que lançaram 6 músicas feitas por Alok sem crédito para o brasileiro. Ele entrou com uma ação no dia 12 de janeiro de 2022 contra o duo citando estas músicas. O advogado questiona o fato de Sevenn ter feito a denúncia na “Billboard” e não na justiça. 

Com informações do G1

Francisco Tomé Câmara “Chico Tomé” 15 anos de saudades de um grande homem e profundo conhecedor da história de Pedro Avelino

Francisco Tomé Câmara, nasceu em Gaspar Lopes no dia, 08 de setembro de 1916, sendo filho de Tomé Florêncio da Câmara e Beatriz Bezerra da Câmara, seus avós paternos eram Florêncio Otaviano da Câmara e Maria Martins Xavier de Melo. Já seus avós maternos eram José Pedro Alves Bezerra e Maria dos Milagres Bezerra, seus bisavós paternos foram José Joaquim da Câmara e Ana Joaquina Xavier da Costa, enquanto que seus bisavós maternos foram José Antônio de Melo e Maria Tereza de Jesus.

O casamento dos avós paternos de nosso historiador Francisco Tomé Câmara, aconteceu no sitio são Paulo, em Gaspar Lopes no dia, 26 de setembro de 1871, e as testemunhas desta união foram João Felipe da Silva e Manoel Mariano Xavier de Souza.

Já os irmãos(as) de Francisco Tomé Câmara, eram :

José Tomé Câmara, que faleceu aos 24 anos em, 27 de fevereiro de 1943, Luiz Tomé Câmara, que nasceu em, 17 de julho de 1914 e faleceu em 04 de julho de 1982. João da Mata Câmara, Petrolina Bezerra Câmara, Nazaré Bezerra Câmara, Daniel Bezerra Câmara.

Conseguimos identificar alguns tios(as) de Francisco Tomé Câmara que são: Silveira Florência da Câmara, nascida em 20 de julho de 1888 – Luiz Florêncio da Câmara, nascido em 29 de dezembro de 1874 – Antônio Florêncio da Câmara, nascido em 06 de julho de 1884 – Maria Florêncio da Câmara “mãe sinhá” nascida em 02 de junho de 1877 – Tiago Florêncio da Câmara, José Florêncio da Câmara, Gregório Florêncio da Câmara, Florêncio Câmara Filho, Catarina Florêncio Câmara, e Florentino Florêncio Câmara, sendo esses tios paternos: já como tios maternos identificamos apenas , Pedro Frutuoso Bezerra. Ana Marfisa Bezerra

No dia, 02 de março de 1943, Francisco Tomé Câmara, casou-se com Luzia Batista dos Santos, com quem teve 14 filhos sendo que somente cinco chegaram a idade adulta, Francisco Tomé Júnior, Raimundo Nonato Câmara, Rita de Cássia Câmara, Maria da Conceição Câmara e Luzia Lucia Câmara.

A descendência de Francisco Tomé Câmara, tem continuidade com seus netos, Nayara, Ricardo, Felipe, Maria Lucia, Beatriz Juciane, Iara, Naiara e Francisco Tomé Neto. Seus bisnetos são: Heitor, Helena, Pedro, Laura e Luan (in memória) Maya, Luna e Rian

Este pequeno relato é para lembrar os 15 anos de saudades de Francisco Tomé Câmara, que faleceu em Pedro Avelino/RN, no dia, 22 de janeiro de 2007, em sua homenagem existe na cidade uma rua com o seu nome e também um projeto chamado Biblioteca Comunitária Francisco Tomé Câmara, que seu acervo é formado apenas por livros, documentos e fotos que tratam somente da história do Rio Grande do Norte, e, em especial de Pedro Avelino, hoje este acervo dispõe de 400 livros de autores do estado além de 450 fotos e 300 documentos que contam parte da historia da cidade que Francisco Tomé Câmara, viveu e morreu, além de ser um profundo conhecedor dessa historia.

Igrejas e templos religiosos não são obrigados a exigir passaporte vacinal no RN, diz governo

O governo do Rio Grande do Norte confirmou nesta sexta-feira (21) que igrejas e templos religiosos do estado não são obrigado a exigir passaporte vacinal para entrada de pessoas. A informação foi dada pelo Gabinete Civil do Estado.

Passou a valer pela manhã o decreto do governo do estado que determina que shoppings, restaurantes, bares e outros estabelecimentos, mesmo que em local aberto, com mais de 100 pessoas, exijam o comprovante de vacinação a seus frequentadores.

Porém, segundo o estado, pelo menos por enquanto, a medida não vai se aplicar aos templos religiosos.

A confirmação foi feita após a governadora Fátima Bezerra (PT) ter participado de uma audiência com representantes da Ordem dos Pastores Evangélicos, na quinta-feira (20). De acordo com o governo, a audiência foi feita a pedido da entidade.

O deputado estadual Albert Dickson (Pros), que também participou da reunião, afirmou que os lideres religiosos defenderam que a medida não seria necessária.

“Nas igrejas estão se cumprindo rigorosamente todos os protocolos. Além disso, não existe a necessidade de retirar máscaras para se alimentar como nas festas e restaurantes. Todos lá ficam todo o tempo com as máscaras”, disse.

Shoppings, restaurantes, bares e outros estabelecimentos do Rio Grande do Norte devem começar a cobrar o passaporte da vacinação a partir desta sexta-feira (21), de acordo com o decreto publicado pelo governo do estado na última terça-feira (18).

Por G1-RN

Ajude nosso blog a continuar independente, faz um pix 016.561.084.02