Moro: “O Brasil não precisa de líderes que tenham voz bonita”

Logo no início de seu discurso no ato de filiação ao Podemos, em Brasília, Sergio Moro disse estar “um pouco ansioso”.

“Não tenho uma carreira política e não sou treinado em discursos políticos.”

Moro, então, afirmou que alguns até dizem que ele não é eloquente e não gostam da voz dele.

“Mas, se eventualmente eu não sou a melhor pessoa para discursar, posso assegurar que sou alguém em que vocês podem confiar. A vida pública me testou mais de uma vez, como juiz da Lava Jato e como ministro da Justiça. Vocês conhecem a minha história e sabem que tomei decisões difíceis e que nunca recuei do desafio, nem repudiei meus princípios para alimentar ambições pessoais. Por isso, peço atenção às minhas palavras, muito além da minha voz.”

O ex-juiz acrescentou:

“O Brasil não precisa de líderes que tenham voz bonita. O Brasil precisa de líderes que ouçam a voz do povo brasileiro.”

Antagonista

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *