Morre jornalista Orlando Duarte, aos 88 anos, vítima de covid-19

Comentarista esportivo estava internado há três semanas, em São Paulo

Publicado em 15/12/2020 – 15:47 Por Linconl Chaves -Repórter da TV Brasil e Rádio Nacional – São Paulo

Faleceu nesta terça-feira (15) o jornalista e comentarista esportivo Orlando Duarte, vítima de complicações do novo coronavírus (covid-19). Ele tinha 88 anos e estava internado há três semanas em um hospital de São Paulo.

Orlando nasceu em 18 de fevereiro de 1932 na cidade paulista de Rancharia, a cerca de 530 quilômetros da capital do estado. Esteve na cobertura jornalística de 14 Copas do Mundo e dez edições de Olimpíadas. Trabalhou nas TVs Globo, Band, Gazeta, SBT e Cultura e nas rádios Bandeirantes, Gazeta, Trianon e Jovem Pan, passando pela Rádio Nacional em 2014, onde comentou o Mundial disputado no Brasil.

Ele também escreveu mais de 30 livros sobre esportes, ganhando o apelido de “eclético”. Entre as principais obras, estão as que publicou a respeito do Rei Pelé, das histórias olímpicas e das Copas e do chamado Trio de Ferro da capital paulista: São Paulo, Corinthians e Palmeiras. Os clubes relembraram os livros em postagens no Twitter lamentando o falecimento do comentarista, que desde 2018 sofria do Mal de Alzheimer.

Como torcedor, era fã da Portuguesa e do Vasco. Em 1963, Orlando chegou a dirigir a Lusa em um amistoso durante uma excursão à Alemanha, em substituição ao então técnico Otto Glória, que estava doente. Também em postagem no Twitter, o clube paulista manifestou pesar pelo falecimento do jornalista, que estava afastado da crônica esportiva desde 2012.

Edição: Cláudia Soares Rodrigues

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *