Prefeito de Pedro Avelino nega direito aos professores concursados

O atual gestor municipal quer pagar de bom moço, mas os fatos estão ai e a população de Pedro Avelino precisa ter ciência do que ele está fazendo com a educação desse município. Vamos aos fatos: A educação de Pedro Avelino ganhou 11 novos professores efetivos do ultimo concurso realizado no final de 2019, e a partir dessa convocação a atual gestão municipal começou a fazer “manobras” na legislação municipal para que esses novos professores desistissem de seus cargos, não sei o porque dessa manobra, mas soa um pouco estranho.

Essas manobras começaram quando o atual prefeito municipal mandou para a câmara municipal um projeto de Lei do Reajuste do Piso Salarial dos professores e dentro do projeto, sem nenhum contexto, sem nenhuma embasamento jurídico colocou um artigo prejudicando todos os 11 novos professores efetivos do município de Pedro Avelino, no tocante ao recebimento de seus proventos, deixando bem claro que não iria pagar conforme estava no edital do concurso público e também retirando esses novos professores do atual Plano de Cargos Carreira e Salário, em que os referido passaram a ser caracterizados como PROFESSORES COM NIVEL MEDIO, isso mesmo, nível médio, onde o concurso exigia NIVEL SUPERIOR. Todo esse dilema vem se arrastando desde o inicio dos trabalhos desses novos professores, o salário que eles estão recebendo é como se eles tivesse feito um concurso para nível médio. Vejamos as percas salariais desses novos professores abaixo:

*Sem a correção salarial do piso e reajustes

Os novos professores já entraram com uma ação judicial para reverter essa “manobra” que prejudica financeiramente e desvaloriza o trabalho desses profissionais importantes na educação de Pedro Avelino, vejamos abaixo o processo:

Nosso blog procurou os professores e 100% deles relatam a mesma coisa: “Em Pedro Avelino não há valorização da educação do atual gestor municipal, tendo em vista as manobras feitas por ele e esperamos sinceramente que a população Pedro Avelinense saiba escolher quem realmente valoriza a educação”, relataram os professores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *