Petrobras bate novo recorde mensal de produção

Com o auxílio do ramp-up de novas plataformas, a Petrobras conseguiu bater novos recordes de produção diários, deixando para trás as dificuldades enfrentadas no trimestre anterior em algumas áreas de produção e reforçando sua perspectiva para 2019.

Mesmo com esses ganhos, a Petrobras registra perdas de mais de 20% desde o início da semana passada, quando começou o  movimento de caminhoneiros contra sua política de preços, que disparou o valor do diesel – AFP

Estadão Conteúdo17/10/19 – 20h06 – Atualizado em 17/10/19 – 21h42

Segundo a estatal, em relatório divulgado nesta quinta, sua produção atingiu novo recorde mensal de 3 milhões de barris de óleo equivalente por dia (boed), além de um novo recorde diário de 3,1 milhões de boed alcançados no mês de agosto. “Já a produção operada atingiu o recorde mensal de 3,7 milhões de boed no mesmo mês”, apontou.

Segundo a empresa, com o resultado, ela mantém sua trajetória “para o cumprimento da meta de produção anual, em 2,7 milhões de boed, com variação de 2,5% para mais ou para menos”.

A empresa destacou o desempenho de FPSOs como a de Campos dos Goytacazes em Tartaruga Verde, no pós-sal, em que conseguiram alcançar 555 mil de bpd, aumento de 48% em relação ao trimestre imediatamente anterior, com a entrada em operação de nove poços produtores. “Vale ainda destacar que as plataformas P-69 e P-76, nos campos de Lula e Búzios, atingiram a capacidade de produção de 150 Mbpd com ramp-up de 10,3 e 7,7 meses (tempo recorde no pré-sal), respectivamente”, apontou a empresa.

No segundo trimestre deste ano, a estatal se viu obrigada a cortar em 3,6% suas projeções de produção para o ano, sobretudo por causa de dificuldades enfrentadas no mês de junho com a estabilização das plantas de gás dos novos sistemas de produção de Búzios, devido a sua maior complexidade, o que elevou o tempo de comissionamento das plantas de gás. As dificuldades, entretanto, foram contornadas desde então, colaborando com o avanço nos números.

Oficial: Maracanã será o palco da final da Libertadores 2020

Conmebol anunciou a escolha oficialmente após reunião do conselho nesta quinta-feira; Outros sete estádios estavam na disputa

Divulgação

O Maracanã será o palco da grande final da Libertadores 2020. O anúncio oficial foi feito pela Conmebol no início da tarde desta quinta-feira (17), após reunião do conselho da entidade sul-americana e a decisão já tem data marcada: 21 de novembro de 2020.

O Maracanã desbancou outros sete candidatos a sediar a decisão da competição. Desses, cinco eram em solo brasileiro. São eles: Arena Corinthians, Morumbi, Mineirão, Arena do Grêmio e Beira-Rio. Além do Nacional de Lima, no Peru, e Estádio Mário Kempes, na Argentina.

“As finais únicas da Libertadores e da Sul-Americana aumentaram a projeção e o alcance internacional do nosso futebol. Rio de Janeiro e Córdoba se converteram nos melhores anfitriões para acolher a grande família do futebol sul-americano”, disse Alejandro Domínguez, presidente da Conmebol.

A Conmebol mudou o regulamento das suas competições e, a partir deste ano, a final da Libertadores será realizada em jogo único em um estádio definido antes do torneio começar. Em 2019, estreia do novo formato, o Estádio Nacional do Chile, em Santiago, será a sede da grande decisão.

A escolha pelo Rio de Janeiro como sede da final da Libertadores da próxima temporada passa, entre outros motivos, pelo fato do Maracanã ser um estádio icônico e que completará 70 anos em 2020. Além disso, a cidade é um ponto turístico e a Conmebol considerou satisfatória a experiência durante a Copa América. O estádio recebeu a grande final do torneio, entre Brasil e Peru.

Macau: MPRN consegue anulação de eleição do Conselho Tutelar


Justiça determinou a realização de um novo pleito e também a nomeação de um novo Conselho Municipal de Direitos das Crianças e Adolescentes
  

O Ministério Público do Rio Grande do Norte, por meio da 1ª Promotoria de Justiça de Macau, conseguiu uma determinação judicial para anular a eleição para membros do Conselho Tutelar (CT), realizada no último dia 6 de outubro. O Juízo da comarca deferiu o pedido ministerial em uma ação civil pública e ordenou a realização de um novo pleito para o CT. Para isso, deverão ser formados um novo Conselho Municipal de Direitos das Crianças e Adolescentes (CMDCA) e também de uma nova comissão especial para a eleição. 

Na ação, a unidade ministerial demonstrou que ocorreram diversas irregularidades. Dentre os problemas, destacam-se: falta de atuação do Conselho Municipal de Direito; ausência de quatro seções eleitorais (cujos eleitores foram impedidos de votar); aglomerações sem ordem de fila (ocasionando a desistência de muitos eleitores); despreparo da equipe do CMDCA e da comissão eleitoral para conduzir o eleitor até a urna em que estava registrado; familiares de candidatos guardando lugares da fila para os eleitores levados pelo candidato; transporte irregular de eleitores; falta de apoio técnico da Justiça Eleitoral no dia do pleito; compra de votos no local de votação; e, por fim, ausência de local de votação nos Distritos pertencentes ao município de Macau. 

A magistrada que assina a decisão determinou o prazo de 20 dias para que o Município de Macau realize novo pleito, nomeie um novo Conselho Municipal de Direitos das Crianças e Adolescente e nova comissão especial eleitoral, além de designar outro local para realização da eleição, sob pena de multa diária de mil reais, a ser paga pelo atual prefeito. 

Leia a ação na íntegra, clicando aqui 

Leia a decisão judicial, clicando aqui

Marinha encontra ‘tambor de óleo’ fechado boiando na costa do Rio Grande do Norte

Material que estava dentro do barril foi enviado para análise. Marinha diz que ainda não há como precisar se o episódio tem relação com os tambores encontrados em Sergipe e também com as manchas no litoral nordestino.

Por Rafael Barbosa e Leonardo Erys, G1 RN

17/10/2019 15h59  Atualizado há 36 minutos

Barril fechado e com líquido dentro foi encontrado pela Marinha no litoral potiguar — Foto: Divulgação/Marinha do Brasil
Barril fechado e com líquido dentro foi encontrado pela Marinha no litoral potiguar — Foto: Divulgação/Marinha do Brasil

A Marinha do Brasil encontrou nesta quarta-feira (16), na costa do Rio Grande do Norte, um tambor de 200 litros de óleo, fechado. O recipiente estava boiando no mar, a 7,4 quilômetros praia de Tabatinga, no litoral Sul. O tonel é de cor vermelha e tem a marca da empresa Shell.

Em nota, a Shell informou que tomou conhecimento pela Marinha de que o material foi encontrado. Segundo a empresa, trata-se de um barril de embalagem de Omala S2 G 220, um tipo de lubrificante. Por telefone, a assessoria de imprensa da Shell afirmou que não descartou o recipiente no mar. A Schell acredita que o barril tenha sido reutilizado e descartado por terceiros.

Segundo informou a Marinha também em nota, não havia vazamento no tambor. O tonel foi avistado durante uma inspeção de rotina realizada pelos militares para o monitoramento das manchas de óleo que começaram a aparecer no litoral do Nordeste do final de agosto para o início de setembro. Sobre essa situação, a Shell alegou que não transporta petróleo cru, que é o que foi identificado até então como sendo a substância presente nas manchas das praias.

Tambor encontrado na costa do Rio Grande do Norte tem a marca da empresa Shell — Foto: Divulgação/Marinha do Brasil
Tambor encontrado na costa do Rio Grande do Norte tem a marca da empresa Shell — Foto: Divulgação/Marinha do Brasil

Uma amostra do líquido que está dentro do barril foi coletada e enviada para o Instituto de Estudos do Mar Almirante Paulo Moreira (IEAPM). De acordo com a Marinha, a investigação está em andamento e ainda não há como precisar se o episódio tem relação com os tambores encontrados em Sergipe e também com as manchas no litoral nordestino. Sobre os barris do estado sergipano, a empresa Shell disse que trata-se de embalagens de lubrificante para embarcações Argina S3 30, de um lote não produzido no Brasil.

As manchas de petróleo em praias do Nordeste já atingiram 178 localidades em 71 municípios de 9 estados desde o final de agosto. Os estados em que elas apareceram são Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe.

A substância é a mesma em todos os locais: petróleo cru. O fenômeno tem afetado a vida de animais marinhos e causado impactos nas cidades litorâneas. A origem da substância poluente está sob investigação.

Manchas de óleo em praias do Rio Grande do Norte começaram a aparecer em setembro — Foto: Reprodução
Manchas de óleo em praias do Rio Grande do Norte começaram a aparecer em setembro — Foto: Reprodução

Inicialmente o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) divulgou que as primeiras manchas apareceram em 2 de setembro nas cidades de Ipojuca e Olinda, em Pernambuco. No entanto, em atualizações mais recentes, o instituto concluiu que as os primeiros registros surgiram ainda em 30 de agosto na Paraíba, nas praias de Tambaba e Gramame, no município de Conde, e na Praia Bela, em Pitimbu.

As investigações sobre a origem do material são conduzidas pela Marinha em coordenação com o Ibama, o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), a Polícia Federal, a Agência Nacional de Petróleo (ANP) e a Força Aérea Brasileira. Participam ainda os governos de alguns estados e municípios afetados.

MANCHAS DE ÓLEO NO NORDESTE

Morre Maurício Sherman, ex-diretor da Globo e co-criador do Fantástico

Morreu na manhã de hoje, aos 88 anos, Maurício Sherman, ex-diretor da TV Globo e um dos criadores do Fantástico. Ele estava em sua casa, na zona sul do Rio de Janeiro. A informação foi confirmada ao UOL pela família de Sherman.

O diretor Maurício Sherman vai ao Musical "Cabaret"com Claudia Raia, no Teatro Oi Casa Grande, no Leblon (2/4/12) - Roberto Filho e Alex Palarea/AgNews
O diretor Maurício Sherman vai ao Musical “Cabaret”com Claudia Raia, no Teatro Oi Casa Grande, no Leblon (2/4/12)Imagem: Roberto Filho e Alex Palarea/AgNews

Do UOL, em São Paulo 17/10/2019 10h31

Em nota (leia a íntegra abaixo), a Globo ressaltou as “contribuições inestimáveis” do diretor, produtor e ator em suas várias passagens pela emissora, “graças ao seu talento e à dedicação com que executava cada trabalho”.

Sherman trabalhou em diversas emissoras, como Tupi, Bandeirantes e Manchete, e se destacou principalmente pelas passagens que teve na TV Globo, contribuindo na criação do Fantástico, ficando à frente do Domingão do Faustão e de programas de humor, como Faça Humor, Não Faça Guerra, Os Trapalhões”e Chico Anysio Show. Seu último trabalho na emissora foi no Zorra Total.

Também ficou conhecido por lançar as apresentadoras Xuxa e Angélica, em sua época de Manchete.

Sherman nasceu em 21 de janeiro de 1931, em Niterói, no Rio de Janeiro, e entrou para a Globo em 1965, onde também foi diretor-executivo da Central Globo de Produção.

O que deu essa dimensão à televisão brasileira, na minha opinião, foi a desmesurada ambição de fazer as coisas. Nós queríamos fazer o máximo. Não nos contentávamos, não nos limitávamos aos nossos espaços. Não. Nós fazíamos, nós crescíamos”

No Mais Você, Ana Maria Braga lamentou a morte de Sherman e fez uma homenagem: “Acabei de receber a notícia da morte de um dos maiores conhecedores da televisão brasileira e acho que do mundo. Ele tinha uma sensibilidade maravilhosa. É o Maurício Sherman”, anunciou.

“Ele me recebeu muito bem aqui, 20 anos atrás, me convidou para participar de programas de humor e me fez muito feliz em testar minhas habilidades e em ter sua amizade”, contou a apresentadora.

Trajetória

Sherman se formou em direito, mas já trabalhava com arte desde os 13 anos, atuando em peças amadoras no Clube da Colônia Judaica, em Niterói. Por deste trabalho, foi convidado a ser ator em rádio, onde trabalhou em diversas produções ao lado de nomes como Fernanda Montenegro e Nathalia Timberg.

Depois, começou a construir uma carreira no teatro profissional. Por conta de seu trabalho na peça Massacre, Emmanoel Roblès, ganhou o prêmio de ator revelação, o que impulsionou sua trajetória de ator, agora em televisão, na TV Paulista e na Tupi.

Elenco do Zorra Total com Sherman - Cleomir Tavares/Divulgacao
Elenco do Zorra Total com ShermanImagem: Cleomir Tavares/Divulgacao

Foi apenas em 1965 que ele começou seus trabalhos como diretor, já na Globo. Em 1966, ela comandou os humorísticos Riso Sinal Aberto e Bairro Feliz, que tinham como roteiristas Max Nunes e Haroldo Barbosa, que entraram na Globo auxiliados por Sherman.

Entre idas e vindas à Rede Globo, passou ainda pela Excelsior e Tupi. Voltou à emissora em 1972, mais uma vez no humor, no comando do Faça Humor, Não Faça Guerra, protagonizado por Jô Soares.

Alguns dos humorísticos mais importantes da TV Globo estiveram sobre o comando de Sherman, como Chico Anyisio Show (1981), Os Trapalhões (1981), e o Zorra Total, onde teve aquela que talvez tenha sido sua passagem mais marcante, à frente da atração de 1999 até 2014.

Em 1983, Sherman foi convidado a dirigir a programação da TV Manchete e convidou Xuxa Meneghel, então com 20 anos, para o Clube da Criança. Ele lançou a Rainha dos Baixinhos, intercalando programa de auditório, música e desenhos.

Três anos depois, colocou no ar Angélica no lugar de Xuxa, que estava a caminho da Globo, se tornando responsável por mais uma carreira de sucesso.

Em 1973, fez parte da equipe que criou o Fantástico. Dirigiu ainda diversos programas de auditório, como Noite de Gala (1966) e Moacyr Franco Show (1977).

Após ter trabalhado como supervisor do Vídeo Show, foi diretor do Domingão do Faustão, em 2001. Estava aposentado desde 2017.

Leia a nota da Globo

“Morre aos 88 anos Muaricio Shermann

Pioneiro da TV no Brasil, Maurício Shermann – ator, produtor e diretor – morreu na manhã de hoje, aos 88 anos, em casa. Ele deixa um filho, Alexandre Shermann.

Formado em Direito na Universidade Federal Fluminense, Shermann dedicou a vida à televisão. Nascido em Niterói, em 21 de janeiro de 1931, aos 13 anos já participava de peças amadoras para logo atuar em espetáculos com atores como Alberto Perez e Nathália Timberg. Em 1949, conheceu Fernanda Montenegro, Chico Anysio e Fernando Torres ao entrar para a equipe da Rádio Guanabara, de onde sairia dois anos depois para dar início à trajetória televisiva na TV Tupi. Foi em 1954, depois de dois anos na TV Paulista, onde representou clássicos de escritores nacionais e internacionais, como William Shakespeare e Guimarães, que ele voltou à TV Tupi no Rio de Janeiro, onde ficou por uma década: uma de suas atuações mais memoráveis foi no “Sítio do Pica-pau Amarelo”.

Sua jornada na TV Globo começou em 1965, com a estreia na direção do “Espetáculo Tonelux”, musical que contava com Marília Pêra e Gracindo Jr, entre outros, e recebia cantores da Jovem Guarda. No currículo, ainda estão sucessos como os humorísticos “Riso Sinal Aberto” e “Bairro Feliz”. Entre outras breves passagens pela TV Tupi, Shermann retornou à Globo e participou da criação do “Fantástico” e dirigiu programas históricos, como “Chico Anysio Show” e “Os Trapalhões” por dois anos. Em 1988, depois de outras experiências profissionais, retornou à emissora, onde ficou por 12 anos e ocupou diversas funções. Foi diretor de núcleo, diretor musical, diretor de Projetos Especiais e diretor da área de controle de qualidade.

Ao longo deste período, esteve no comando de atrações marcantes, como o especial de 25 anos dos Trapalhões, com duração de 25 horas e participação do elenco completo da emissora. Foi ainda responsável pela direção das vinhetas de fim de ano da Globo, tendo sido premiado no ano de 1992, com os vídeos que mostravam atores, apresentadores, comediantes e jornalistas passando a mensagem “Tente e invente, faça um 92 diferente”. Nas décadas seguintes, foi supervisor do Vídeo Show, transformando o programa em uma atração diária. Também foi diretor do humorístico Zorra Total e do Domingão do Faustão.

Shermann se aposentou em 2017, depois de dirigir por 16 anos o “Zorra Total”, um de seus últimos trabalhos na TV. Suas várias passagens pela TV Globo foram contribuições inestimáveis graças ao seu talento e à dedicação com que executava cada trabalho.

Mais de 5.100 pessoas vão ter que devolver dinheiro do Bolsa Família

Ana Carla Bermúdez – Do UOL, em São Paulo 15/10/2019 12h09

Segundo o Ministério da Cidadania, 5.100 pessoas que receberam indevidamente recursos do Bolsa Família vão ter que devolver o dinheiro aos cofres públicos. A expectativa da pasta, responsável pelo programa federal, é que sejam recuperados R$ 5,8 milhões.

As pessoas suspeitas de fraudar o programa foram identificadas a partir de uma auditoria da CGU (Controladoria-Geral da União) e de um cruzamento de dados com o TCU (Tribunal de Contas da União).

Os ex-beneficiários são acusados de ter prestado informações irregulares intencionalmente ao Cadastro Único para Programas Sociais ou de ter renda superior ao permitido para participar do programa.

Segundo a pasta, este é o maior processo de cobrança de ressarcimento de repasses já feito pelo governo. A primeira ação desse tipo foi feita em 2018, quando foi recuperado R$ 1 milhão para os cofres da União.

Na última quarta-feira (9), cartas com aviso de recebimento começaram a ser enviadas para as famílias identificadas, junto a uma GRU (Guia de Recolhimento da União) com o valor que o governo estima que deve ser devolvido.

Os ex-beneficiários têm até 30 dias para apresentar sua defesa. Caso não seja apresentada, eles terão o mesmo período para pagar a guia.

O não pagamento implica a inclusão do nome em cadastros de devedores, como o Cadastro Informativo de Créditos não quitados do Setor Público Federal (Cadin) e no sistema de cobrança do Tribunal de Contas da União (e-TCE).

Com o nome no cadastro de devedores, as famílias têm limitações para fazer empréstimo, financiamento, abertura de contas, além de não conseguirem certidão negativa de débito junto à União.

“Isso faz então que ela tenha a sua vida financeira bastante complicada caso não regularize sua situação”, explicou o secretário nacional de Renda de Cidadania, Tiago Falcão.

As famílias que quitarem o débito com a União poderão ser selecionadas para retomar o benefício após um ano, caso passem por um processo de verificação das informações e atendam às regras para participar do programa.

Quem tem direito ao Bolsa Família

O Bolsa Família é voltado para famílias extremamente pobres (renda per capita mensal de até R$ 89) e pobres (renda per capita mensal entre R$ 89,01 e R$ 178).

Os beneficiários recebem o dinheiro mensalmente e, como contrapartida, cumprem compromissos nas áreas de saúde e educação. Atualmente, o programa atende mais de 13,5 milhões de famílias com cerca de R$ 2,5 bilhões, por mês.

Hoje à tarde acontece no Palácio do Planalto uma solenidade para o anúncio do 13º do Bolsa Família.

Bolsonaro confirma pagamento de 13º no Bolsa FamíliaUOL Notícias

FPM: segundo decêndio será creditado na sexta-feira (18)

Os Municípios recebem na próxima sexta-feira, 18 de outubro, mais um repasse do Fundo de Participação dos Municípios (FPM). O montante a ser partilhado do segundo decêndio será de R$ 791,7 milhões, já descontada a retenção do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). De acordo com a avaliação feita pela Confederação Nacional de Municípios (CNM), com base em dados divulgados pela Secretaria do Tesouro Nacional (STN), essa segunda transferência geralmente é a menor.

Quarta-feira, 16/10/2019 18h58

A diminuição também ocorreu no primeiro decêndio. Em valores brutos, ou seja, incluindo o Fundeb, o montante do segundo repasse será de R$ 989,7 milhões. Pela STN, o segundo decêndio de outubro de 2019, comparado com o mesmo decêndio do ano anterior, indica crescimento de 45,53% em termos nominais (valores sem considerar os efeitos da inflação). O acumulado do mês, em relação ao mesmo período do ano anterior, também indica aumento de 2,16%.

Quando o valor do repasse é deflacionado, levando em conta a inflação do período e comparado a mesma época do ano anterior, o percentual de crescimento chega a 42,07%. A soma dos dois primeiros decêndios de outubro mostra que o fundo está em queda de 0,27% dentro deste mês, em caso de comparação com o mesmo período de 2018 e levando em conta a inflação do período. Para base de cálculo do segundo decêndio, é considerado o período compreendido entre os dias 1º e 10 do mês corrente.

Municípios de pequeno porte
Do total repassado a todos os Municípios, os de coeficientes 0,6, que representam a maioria (2.459 ou 44,16% das cidades do país), devem partilhar o valor de R$ 196, 8 milhões do total. Isso representa 19,89% do que será transferido. A CNM explica que esses Municípios se diferem para cada Estado, uma vez que cada um deles tem valor da participação do Fundo. Um exemplo prático dessa distinção ocorre nos repasses dos Municípios de coeficiente 0,6 do Estado de Roraima que recebem valores diferenciados quando relacionados com os Municípios 0,6 do Rio Grande do Sul.

Acumulado e orientações
Ao levar em consideração os repasses de janeiro de 2019 até o segundo de outubro, a CNM calcula que o acumulado deste ano do FPM tem apresentado crescimento positivo de 8,79% em termos nominais (sem considerar os efeitos da inflação) em relação ao mesmo período de 2018. No caso de considerar o comportamento da inflação, a entidade aponta aumento de 4,82% em relação ao mesmo período do ano anterior. 

Conforme análise da série histórica do FPM, os repasses nos cinco primeiros meses do ano representa uma entrada elevada de recursos nas contas municipais. É importante que os gestores municipais mantenham cautela em suas gestões e fiquem atentos ao gerir os recursos. A Confederação ressalta que é preciso planejamento e reestruturação dos compromissos financeiros das prefeituras para que seja possível o fechamento das contas. Acesse aqui os valores por Estado e outras informações dos repasses por coeficientes. Nelas constam também os valores brutos do repasse do FPM e os seus respectivos descontos: os 20% do Fundeb, 15% da saúde e o 1% do Pasep.


Da Agência CNM de Notícias

Ao vivo: CCJ da Câmara continua debate sobre prisão em segunda instância

Por Congresso Em Foco em 16 de outubro de 2019

A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJC) da Câmara continua o debate sobre prisão em segunda instância, nesta quarta-feira (16). O tema foi pautado nesta semana em resposta ao julgamento de ações no Supremo Tribunal Federal (STF) que podem acabar com o entendimento de que uma pessoa condenada em segunda instância já pode cumprir pena.

Novo vídeo mostra prédio desabar sobre pessoas em Fortaleza

Edifício Andrea ruiu na terça-feira em uma área nobre de Fortaleza. Duas pessoas morreram e nove foram resgatadas com vida.

Por Valdir Almeida, G1 CE

16/10/2019 09h57  Atualizado há uma hora


Vídeo mostra primeiros momentos do desabamento em Fortaleza

Um novo vídeo divulgado nesta quarta-feira (16) mostra o momento em que o Edifício Andrea desabou, nesta terça em Fortaleza. Nas imagens, que podem ser vistas acima, é possível identificar cinco pessoas correndo no instante em que o prédio ruiu.

Segundo os bombeiros informaram na manhã desta quarta, o desabamento, em área nobre da capital cearense, deixou ao menos dois mortos. Nove pessoas seguem desaparecidas e nove foram resgatadas com vida.

O vídeo registra o momento em que um homem, do lado de fora do prédio, percebeu o desabamento e conseguiu fugir correndo. Logo depois, uma enorme nuvem de poeira cobriu todo o ambiente.

Até a última atualização desta reportagem, não havia informação sobre se as pessoas que aparecem nas imagens dentro condomínio estão entre os feridos ou desaparecidos.

homem que aparece do lado de fora correndo do desabamento é o vigilante Vando Pereira, que trabalha em uma loja vizinha ao edifício.

“Eu estava sentado trabalhando na frente do prédio. Ouvi um estalo grande, quando eu olhei e vi a poeira. De repente, saí correndo, e, graças a Deus, consegui sobreviver”, disse o vigilante.

O vigilante disse que, após o desmoronamento, os destroços do prédio ficaram espalhados por toda a rua. Houve correria também de pessoas que estavam no entorno das vias próximas ao edifício.

“Conseguimos sair correndo. Eu estava sentado. É muito tranquilo aqui. Minha rotina é sempre muito tranquila, pois tem mais é idoso no prédio. Eu vi só os estragos, caindo tudo, pois estava mesmo debaixo. Foi muito rápido, rápido demais. Não sei nem como estou aqui”, lembrou Vando.

Imagem impressionante mostra o momento em que o Edifício Andrea desmorona em Fortaleza. — Foto: Reprodução/SVM
Imagem impressionante mostra o momento em que o Edifício Andrea desmorona em Fortaleza. — Foto: Reprodução/SVM

O que se sabe até agora

  • Edifício Andrea desabou às 10h28
  • A primeira morte foi confirmada às 23h55 de terça, e a segunda, na manhã desta quarta
  • Ao menos nove pessoas foram resgatadas com vida
  • Até o início da manhã desta quarta, nove pessoas seguiam desaparecidas
  • Ruas no entorno do edifício foram bloqueadas
  • O prédio ficava no cruzamento na Rua Tibúrcio Cavalcante com Rua Tomás Acioli
  • O edifício ficava a cerca de 3 quilômetros da Praia de Iracema, região turística da capital cearense
Bombeiros trabalham na busca por sobreviventes nos escombros do prédio que desabou em Fortaleza — Foto: José Leomar/Diário do Nordeste
Bombeiros trabalham na busca por sobreviventes nos escombros do prédio que desabou em Fortaleza — Foto: José Leomar/Diário do Nordeste

O governo do Ceará e a prefeitura de Fortaleza informaram, por meio de nota, que o resgate às vítimas do desabamento se mantém ininterrupto desde o início dos trabalhos.

Segundo a prefeitura, o prédio foi construído de maneira irregular, e, até 1995 havia uma casa no lugar do prédio, na Rua Tibúrcio Cavalcante. O primeiro imóvel teria sido erguido na década de 1970. A administração municipal informou, ainda, que não há registros oficiais do prédio.

No vídeo abaixo, o momento do desabamento pode ser visto por outro ângulo.

Vídeo mostra momento de desabamento de prédio em Fortaleza

Mapa mostra localização do Edifício Andrea, que desabou nesta terça-feira em Fortaleza — Foto: Juliane Souza/ G1
Mapa mostra localização do Edifício Andrea, que desabou nesta terça-feira em Fortaleza — Foto: Juliane Souza/ G1

Festa das crianças: Marcílio Segundo participa da festa das crianças no Parque das Árvores

As comemorações alusivas ao dia das crianças e dos professores ocorreu na tarde desta terça-feira, 15, no Parque das Árvores em Parnamirim. Marcílio Segundo prestigiou o evento a convite da líder comunitária Dulcirene.

Quarta-feira, 16/10/2019 – às 11h56

“Ensinar não é transferir conhecimento, mas criar as possibilidades para a sua própria produção ou a sua construção”.

Paulo Freire

#comemoração  #diadascrianças #professores #marciliosegundo